Bragantino

Bragantino vence o São Bento de Virada no Campeonato Paulista

Publicados

em

No sábado (10), o Red Bull Bragantino voltou a campo pelo Paulistão 2021. Em Sorocaba, o Massa Bruta derrotou o São Bento de virada por 2 a 1, com gols de Helinho e Ytalo. Com a vitória, a equipe de Bragança Paulista chega à liderança do grupo C, com 11 pontos.

O jogo

O Red Bull Bragantino, comandado por Maurício Barbieri, foi a campo com Cleiton, Weverton, Ligger, Natan e Weverson; Jadsom, Cuello e Vitinho; Helinho, Leandrinho e Jan Hurtado.

A partida começou com pressão da equipe da casa. Tanto que, aos 11, o São Bento abriu o placar com Diego Tavares.

O Massa Bruta chegou com perigo aos 17, após cruzamento na área e tentativa de finalização de Leandrinho, afastada para escanteio pela zaga do São Bento. No minuto seguinte, após cruzamento na área, a arbitragem revisou lance com o árbitro de vídeo e apontou toque da mão do zagueiro, marcando pênalti para o Braga.

Helinho cobrou, com categoria, e empatou a partida em Sorocaba. Aos 43, Helinho deu lindo drible pela esquerda e invadiu a área, mas a zaga impediu a sequência do lance.

  Bragantino empata com Ferroviária pela 8ª rodada do Campeonato Brasileiro

Na segunda etapa, o Massa Bruta chegou bem logo aos 2 minutos. Cuello dominou e abriu para Leandrinho, que bateu cruzado e o goleiro ficou com a bola. Dez minutos depois, Ryller entrou no lugar de Vitinho, na primeira mudança de Maurício Barbieri. Aos 17, Helinho foi lançado na área e tentou a finalização, mas Luiz Daniel defendeu e impediu o gol.

Com 22 minutos, Ytalo e Artur foram para o jogo no lugar de Hurtado e Cuello. O Braga passou a pressionar mais a equipe da casa. Na sequência, Claudinho e Edimar entraram nos lugares de Leandrinho e Weverson.

Aos 43, Ytalo recebeu passe de Helinho e bateu cruzado, por baixo de Luiz Daniel, para virar a partida e garantir a vitória do Massa Bruta em Sorocaba.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Bragantino

Fluminense empata com o Bragantino e soma ponto fora de casa

Tricolor segue invicto nesta edição e embala sequência de 12 jogos sem perder no Brasileirão

Publicados

em

Por

Neste domingo, Fluminense foi novamente à Bragança Paulista enfrentar o Bragantino, dessa vez pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro. Após conquistar a vaga nas oitavas de final da Copa do Brasil contra a equipe paulista, o Fluminense conseguiu trazer mais um ponto de São Paulo. Mesmo sofrendo dois gols no quinto e nos acréscimos do primeiro tempo, com Lucas Evangelista e Ytalo, o Tricolor se organizou e buscou o jogo, conseguindo o empate com Caio Paulista e Abel Hernández, já nos acréscimos. O Fluminense segue invicto na competição e mantém uma sequência de  12 jogos sem perder.

Seja Sócio e receba conteúdos exclusivos, além de ter descontos em vários parceiros. Faça o Fluminense mais forte e escolha um plano agora!

 

Primeiro tempo

Aos quatro minutos, Lucas Evangelista e Ytalo tabelaram na entrada da área, mas Egídio cortou bem na cobertura. No lance seguinte, uma saída errada do Fluminense, Lucas Evangelista recebeu do Ytalo, com espaço, chutou forte, de fora da área, para marcar 1 a 0 Bragentino. Aos 12, o Fluminense pressionou a saída de bola e Yago Felipe recebeu a falta na disputa de bola. David Braz bateu na barreira. Aos 15, Abel fez boa jogada pela esquerda e ficou com o escanteio. Após duas cobranças seguidas, a bola ficou com Yago na direita, que cruzou com perigo, mas a zaga cortou. Fluminense se firmou no campo de ataque. Aos 25, Aderlan tentou um chute forte, por cima do gol de Marcos Felipe. Aos 39, Egídio cobrou escanteio pela direita e a cabecada de Paulo Henrique Ganso explodiu no travessão. Aos 40, Luiz Henrique deu passe para o Ganso que aciounou o Caio Paulista no comando, que chutou com desvio. Nos acréscimos, Ganso, Caio Paulista e Abel Hernández tabelaram e mas o último passa foi longo demais, quando Caio entrava sozinho. Na sequência, contra-ataque rápido, Ytalo achou Artur, cara a cara com Marcos Felipe, que só completou para fazer 2 a 0.

  Corinthians é superado pela Ferroviária no Paulistão 2021

Segundo tempo

Em menos de um ninuto, a primeira chegada, com Ganso, Caio e Yago, mas a finalização foi cortada em escanteio. Na sequência, Abel tocou no centro e Yago chutou forte, por cima do gol. Aos três, Egídio cobrou falta na área e Abel cabeceou na trave. O bandeirinha deu impedimento. Aos nove, saída de bola errada do Bragantino, Caio Paulista recuperou e acionou Abel Hernández que finalizou para a defesa do goleiro Cleiton. Aos 10, Claudinho tentou de longe e a bola desviou em escanteio. Aos 20, Caio Paulista acionou Bobadilla, que tentou driblar o goleiro e foi derrubado. Na sobra, Abel chutou por cima. Vuaden ouviu o VAR e mandou o jogo seguir. Aos 22, Yago chutou de longe para a defesa de Cleiton. Na sequência, mais um erro na saída de bola deu mais uma oportunidade de finalização com Claudinho, que cavou por cima do travessão. Aos 29, Egídio cruzou, Kayky matou e passou para Caio Paulista que finalizou, com desvio para escanteio. Na cobrança, Bobadilla desviou e o próprio Caio Paulista marcou para Flu. No placar, 2 a 1. Aos 40, Calegari salvou a finalização do Claudinho na marca do pênalti. Aos 46, Yago lutou pela bola, Kayky tocou no Nene que chutou forte. A bola foi bloqueado pelo Fabrício Bruno com o braço. Pênalti marcado para o Fluminense. Abel Hernández cobrou e marcou para o Fluminense. Tudo igual em Bragança Paulista, 2 a 2.

  Bragantino empata com Ferroviária pela 8ª rodada do Campeonato Brasileiro

FICHA TÉCNICA
Campeonato Brasileiro – 3ª rodada
13/06/2021, 20h30
Nabi Abi Chedid

RB Bragantino (2)
Cleiton; Aderlan, Léo Ortiz, Natan (Fabrício Bruno) e Luan Cândido (Weverson); Jadsom Silva (Raul), Lucas Evangelista e Claudinho; Artur, Ytalo (Ligger) e Helinho (Cuello). Técnico: Maurício Barbieri.

Fluminense (2)
Marcos Felipe; Samuel Xavier (Calegari), Nino (Manoel), David Braz e Egídio; Wellington (Nene), Yago e Ganso (Raúl Bobadilla); Caio Paulista, Luiz Henrique (Kayky) e Abel Hernández. Técnico: Roger Machado.

Gols: Lucas Evengelista (5′ – 1T) e Artur (47′ – 1T) (RBB); Caio Paulista (30′ – 2T) e Abel Hernández (49′ – 2T) (FLU)

Cartões amarelos: Natan, Jadsom e Lucas Evangelista (RBB); Luiz Henrique e Roger Machado (FLU)

Arbitragem: Leandro Pedro Vuaden (RS/CBF) auxiliado por Jorge Eduardo Bernardi (RS/CBF) e José Eduardo Calza (RS/CBF).

Fotos: Mailson Santana/FFC

Fonte: https://www.fluminense.com.br/noticia/fluminense-empata-com-o-bragantino-e-soma-ponto-fora-de-casa

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

FLAMENGO

CORINTHIANS

SÃO PAULO

PALMEIRAS

MAIS LIDAS DA SEMANA