Brasileirão Série A

Força aérea resolve, e Inter vence Bahia por 2 a 0 no Beira-Rio

Publicados

em

Vence o Clube do Povo! O Inter superou o Bahia por 2 a 0, na tarde deste domingo (26/09), em partida da 22ª rodada do Brasileirão. Yuri Alberto e Rodrigo Dourado marcaram os gols do triunfo colorado, terceiro consecutivo no Nacional, que leva o time de Aguirre, invicto há oito partidas, aos 32 pontos na tabela.

Sétimo colocado, o Inter volta a campo na noite do próximo sábado (02/09), quando visita o Atlético-MG, líder do Campeonato Brasileiro, no Mineirão. O duelo, que integra a 23ª rodada nacional, ocorre a partir das 21h, e será o último disputado pelo Clube do Povo antes de interrupção no calendário colorado em virtude da convocação de Edenilson para a disputa de rodada tripla das Eliminatórias para a Copa do Mundo.


Jogo enroscado

Internacional e Bahia não criaram grandes chances no primeiro tempo, que acabou definido pelo quilate das individualidades coloradas. Dono da posse de bola e da iniciativa, o Clube do Povo apostou bastante na força aérea de Patrick, constantemente acionado, em especial por Heitor e Lindoso, nas costas de Nino Paraíba. Embora criadas, porém, as oportunidades assim tramadas não levaram verdadeiro perigo ao gol de Mateus Claus, que esteve bastante seguro até os minutos finais.

De sua parte, o Bahia, que iniciou o confronto com postura mais tímida, custou a se soltar dentro das quatro linhas. A principal arma explorada pelo Esquadrão foi o pivô de sua dupla de centroavantes Rodallega e Gilberto, que exibia simpatia pelo corredor direito do ataque tricolor. A melhor oportunidade do rival, inclusive, saiu dos pés do segundo, que ficou com a sobra de cruzamento não desviado pelo primeiro. Daniel, seguro, salvou o Inter, praticamente inaugurando o melhor momento da etapa inicial.

Aos 39, Edenilson demonstrou atenção maior do que a zaga rival para, em pouquíssimos segundos, receber a bola do gandula e cobrar escanteio na primeira trave. Yuri Alberto, igualmente ligado, atacou o cruzamento em velocidade. Fulminante, o testaço do camisa 11 morreu nas redes de Mateus Claus, que nada pôde fazer para impedir o tento colorado. Com vantagem parcial, o Inter retornava aos vestiários embalado.


Espaços para os dois lados

As emoções que faltaram na etapa inicial apareceram em grande quantidade no tempo final. Logo dos vestiários, o Bahia retornou ofensivo, disposto a buscar a igualdade o quanto antes. Ao mesmo tempo que se soltava, contudo, o Esquadrão oferecia espaços na retaguarda, facilitando o jogo de contra-ataques do time de Aguirre. Aos 15, Yuri quase ampliou em um desses, enquanto o Tricolor, no minuto 23, só não chegou ao empate por milagre de Daniel.

Franco, o jogo teve no Internacional o autor de seu segundo gol. Aos 30, Victor Cuesta aproveitou a sobra de escanteio parcialmente cortado pela zaga e, da intermediária esquerda de ataque, levantou na segunda trave. Mortal, Dourado desviou de cabeça para o chão, impossibilitando qualquer intervenção de Matheus Claus. Nos instantes finais, tanto Colorado quanto Esquadrão voltaram a assustar, mas ninguém tornou a mudar o placar. Fim de jogo, e vitória confirmada!

  Cuiabá empata com Grêmio em Porto Alegre

Primeiro tempo

2min – UH! Yuri recebe de Edenilson, invade a área caindo pela esquerda, supera dois marcadores e tenta o cruzamento rasteiro para Patrick. Lucas Fonseca abafa o passe, e a bola sai em escanteio.

8min – Lindoso recebe de Heitor e, pela direita da intermediária de ataque, levanta na segunda trave. Patrick desvia, Mateus Claus encaixa.

10min – Muda o Bahia. Gilberto entra, Rodriguinho, lesionado, sai.

11min – UUUUUUUH! Taison, Paulo Victor e Patrick tabelam pela esquerda. O camisa 10 recebe do Pantera e, de fora da área, finaliza forte. Com desvio, ela sai em escanteio.

18min – ENCAIXA O GOLEIRO! Heitor recupera a posse para o Inter no campo de ataque, costura da direita para o centro e busca Yuri na profundidade. Camisa 11 domina abrindo ângulo para a perna direita e tenta o cruzamento, que desvia na zaga e morre nas mãos de Mateus Claus.

19min – Mugni amarelado por carrinho em Heitor.

26min – Heitor recebe o cartão por falta em Juninho Capixaba.

29min – Não é replay: Lindoso levanta da direita, Patrick ganha pelo alto na esquerda. Bola sai em tiro de meta.

33min – Após cobrança curta de escanteio, Heitor levanta na área pela direta. Cuesta desvia, Claus encaixa.

36min – DA-NI-EL! Juninho Capixaba cruza da esquerda, a bola passa por Rodallega, mas Gilberto consegue o domínio na segunda trave. Atacante soteropolitano solta a bomba, goleiro colorado defende.

36min – Amarelo para Rodriguinho, falta feia em Patrick.

 

39min – GOOOOOOOOOOOOOL! É GOOOOOOL! É GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! YURI, YURI, YURI ALBEEEEEEERTO! TESTAÇO, COM ASSISTÊNCIA DE SUPERED! Da direita, Edenilson cobra escanteio antes mesmo da zaga rival se posicionar. Em altíssima velocidade, Yuri ataca a primeira trave e cabeceia com força. No ângulo, Claus até voa, mas sem nenhuma chance de defesa. Bola na rede, festa colorada!

 

O gol de Yuri Alberto na narração da Rádio Colorada

45min – Vamos a 48! Mais três.

  São Paulo vence o Goiás em jogo da primeira rodada e assume liderança

47min – Gilberto, de muito longe, cobra falta direta. Forte, a bola sai em tiro de meta para o Inter.

48min – Intervalo no Gigante!


Segundo tempo

6min – PAPAAAAAAAAAAAAAAAAI! Paulo Victor recebe de Taison e, pelo corredor esquerdo, dá um elástico em cima de Nino Paraíba. O adversário fica para trás, e o lateral colorado deixa para Patrick, que é atropelado a centímetros da área. Falta!

7min – UUUUUUUUUUUUUUUUUUUUH! Da altura da quina esquerda da área visitante, Taison cobra a falta com muita força. Direta, a batida sai com veneno, em direção ao ângulo, mas Mateus Claus voa para espalmar.

9min – Bahia chega com Nino Paraíba pela direita. O lateral cruza na primeira trave, e Gilberto consegue o desvio. Quicando, a bola sai em tiro de meta.

15min – COOOOOORTA A ZAGA! Inter sai de trás em altíssima velocidade. Taison e Yuri tabelam e o camisa 10 abre jogo até Edenilson, que invade a área pela direita e tenta o cruzamento. Antes de Yuri, Nino Paraíba consegue o corte.

17min – Muda o Inter! Vem Guerrero, sai Taison.

17min – Duas trocas também no Bahia. Thony Anderson e Galdezani entram, Óscar Ruiz e Isnaldo saem.

23min – MILAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAGRE! DANIEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEL! Após cruzamento da esquerda, Gilberto sobe com autoridade na área colorada e desvia buscando ângulo. De mão trocada, goleiro do Inter espalma para salvar o Inter. Que defesa!

26min – Patrick dá lugar a Mauricio. Muda o Inter.

28min – UH! Inter escapa em contra-ataque rápido, que tem Edenilson como condutor. O camisa oito deixa para Dourado, que abre em Yuri. Camisa 11 tenta para Guerrero, mas a zaga manda em escanteio.

 

30min – É GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! É O SEGUNDOOOOOOOOOOOOOOOOO! GOL, GOL, GOL, GOL, GOL, GOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! DOURADOOOOOOOOOOOOOO! Após cobrança de escanteio pela direita, a zaga do Bahia consegue o corte parcial, mas a sobra é de Cuesta. Especialista como sempre, ele levanta da intermediária esquerda com açúcar, na medida para Dourado acertar um testaço. No cantinho, ela amplia a vantagem colorada!

 

A narração da emissora oficial do Clube do Povo para o gol de Dourado

33min – Lucas Fonseca e Edson deixam o campo na equipe visitante. Gustavo Henrique e Patrick de Lucca entram.

35min – UUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUH! O dono do contra-ataque colorado agora é Yuri, que escapa pela direita e solta uma bomba rasteira. Mateus Claus esbanja incrível reflexo para espalmar o arremate em escanteio.

36min – Palacios e Gustavo Maia entram no Clube do Povo. Yuri e Heitor deixam o campo.

38min – Nino vai ao fundo pela direita e cruza. Na altura da marca do pênalti, Rodallega desvia, e a bola sai ao lado do poste colorado.

44min – Cuesta recebe o amarelo por falta em Galdezani.

45min – Quatro de acréscimos. Jogo vai a 49!

47min – ESTREANTE FAMINTO! Gustavo Maia recebe na esquerda, pedala para cima de Gustavo Henrique, puxa para a perna direita e finaliza colocado. Mateus Claus espalma, e Guerrero não consegue o rebote por detalhe.

49min – Nino Paraíba escapa pela direita e cruza rasteiro. Gilberto desvia, a bola toma altura, encobre Daniel, mas também supera a meta colorada.

50min – FIM DE JOGO! VITÓRIA COLORADA!


Ficha técnica:

Internacional (2): Daniel; Heitor (Gustavo Maia), Bruno Méndez, Victor Cuesta e Paulo Victor; Edenilson, Rodrigo Lindoso, Rodrigo Dourado e Patrick (Mauricio); Taison (Guerrero) e Yuri Alberto (Carlos Palacios). Técnico: Diego Aguirre.

Bahia (0): Mateus Claus; Nino Paraíba, Lucas Fonseca (Gustavo Henrique), Luiz Otávio e Juninho Capixaba; Óscar Ruiz (Galdezani), Edson (Patrick), Mugni e Isnaldo (Thony Anderson); Rodriguinho (Gilberto) e Rodallega. Técnico: Diego Dabove.

Gols: Yuri Alberto, aos 39’/1ºT, e Rodrigo Dourado, aos 30’/2ºT (I).

Cartões amarelos: Heitor e Cuesta (I). Mugni e Gilberto (B).

Arbitragem: Bruno Arleu de Araujo, auxiliado por Rodrigo Figueiredo Correa e Michael Correia. Quarto árbitro: Roger Goulart. VAR: Carlos Eduardo Nunes Braga.

Estádio: Beira-Rio.

fonte: https://internacional.com.br/noticias/cronica-inter-x-bahia-22a-rodada-brasileirao-2021

Imagens

Fotos: Ricardo Duarte

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Brasileirão Série A

Com gol de Calleri, Tricolor vence o Corinthians pelo Brasileirão

Em noite de inauguração do Camarote dos ídolos, no Morumbi, São Paulo derrotou o rival por 1 a 0

Publicados

em

Foi uma noite majestosa no Morumbi! Na inauguração do Camarote dos Ídolos, que reuniu craques que fizeram história no São Paulo, e com apoio incondicional da torcida, o Tricolor venceu o Corinthians por 1 a 0 nesta segunda-feira (18) em duelo válido pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro.

> FOTOS DO CLÁSSICO!

O gol são-paulino no clássico – o primeiro de Rogério Ceni neste retorno ao clube -, foi marcado pelo argentino Calleri. Com a importante vitória no Majestoso, o Tricolor subiu para a 12ª colocação, agora com 34 pontos.

O próximo compromisso no torneio nacional será diante do Red Bull Bragantino no domingo (24), às 18h15, no Estádio Nabi Abi Chedid.

Para encarar o rival, o time não contou com Igor Vinícius (aprimora a forma física após trauma no olho esquerdo), William (artroscopia no joelho), Luan (avulsão tendínea de adutor da coxa esquerda), Galeano (trauma no tornozelo direito) e Rigoni (pequeno estiramento no músculo posterior da coxa esquerda), além de Miranda (suspenso pelo terceiro amarelo).

  Mengão derrota o Vasco e se mantém vivo na briga do título

Já o zagueiro Arboleda retornou após três jogos – estava com a seleção equatoriana nas Eliminatórias para a Copa do Mundo. Assim, o técnico Rogério Ceni escalou a equipe com Volpi; Orejuela, Arboleda, Léo e Reinaldo; Liziero, Gabriel Sara, Igor Gomes e Benitez; Luciano e Calleri.

Com um início frenético e contagiado pelos torcedores, o Tricolor logo partiu para cima do adversário e balançou as redes aos dois minutos com Luciano. A arbitragem, porém, invalidou o gol do camisa 11 e assinalou impedimento.

E com uma postura ofensiva, o São Paulo largou na frente aos seis minutos: Reinaldo avançou pela esquerda e cruzou na medida para Calleri, que desviou para abrir o placar! 1 a 0!

Na volta para a etapa complementar, o uruguaio Gabriel entrou no lugar de Benitez. O time são-paulino seguiu dominante e ditou o ritmo do clássico. Aos 37 minutos, Luciano arriscou de fora da área e acertou uma bomba na trave.

Empurrada pela força das arquibancadas, a equipe não permitiu a reação do Corinthians e conquistou uma importante vitória no Majestoso! 1 a 0.

SÃO PAULO 1 x 0 CORINTHIANS

  São Paulo vence o Goiás em jogo da primeira rodada e assume liderança

Local: Morumbi, em São Paulo (SP)
Data: 18/10/2021 (segunda-feira)
Gol: Calleri (6/1T)
Cartões amarelos: Arboleda, Liziero e Gabriel (SPFC) João Victor e Roger Guedes (Corinthians)
Público pagante: 23.874 torcedores
Renda: R$ 1.076.213,00

Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)
Assistentes: Jorge Eduardo Bernardi (RS) e Jose Eduardo Calza (RS)
Quarto Árbitro: Thiago Lourenço de Mattos (SP)
Analista de Campo: Carlos Donizeti Pianosqui (SP)
Árbitro de Vídeo: Daniel Nobre Bins (RS)
AVAR: Andre da Silva Bitencourt (RS)
Observador de VAR: Sergio Correa da Silva (RJ)

SÃO PAULO: Tiago Volpi; Orejuela (Diego Costa, 42/2T), Arboleda, Léo e Reinaldo; Liziero, Gabriel Sara (Marquinhos, 35/2T), Igor Gomes e Benitez (Gabriel, intervalo); Luciano (Rodrigo Nestor, 42/2T) e Calleri (Pablo, 31/2T). Técnico: Rogério Ceni.

Corinthians: Cássio; Du Queiroz, João Victor, Gil e Fábio Santos; Cantillo (Jô), Adson (Gustavo Silva), Renato Augusto e Giuliano; Gabriel Pereira e Roger Guedes. Técnico: Sylvinho.

fone: http://www.saopaulofc.net/noticias/noticias/campeonato-brasileiro/2021/10/18/com-gol-de-calleri,-tricolor-vence-o-corinthians-pelo-brasileirao

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

FLAMENGO

CORINTHIANS

SÃO PAULO

PALMEIRAS

MAIS LIDAS DA SEMANA