Brasileirão Série A

Internacional se mostra superior e vence Sport de 5 a 3

Publicados

em

Noite de chuva de gols na Ilha do Retiro. Fora de casa, o Clube do Povo superou o Sport, nesta quarta-feira (14/10), por 5 a 3. Patrick, duas vezes, Yuri Alberto, Rodrigo Moledo e Adryelson, contra, marcaram os gols que garantiram ao Inter a terceira vitória seguida no Brasileirão. No próximo domingo o Colorado, vice-líder nacional, enfrenta, em partida da 17ª rodada do torneio, o Vasco. No Beira-Rio, o duelo contra os cariocas ocorre a partir das 18h15.

Só o Inter jogou nos 45 minutos que serviram de abertura para o duelo. Dono do jogo, o time de Eduardo Coudet apostou nas laterais para causar problemas à defesa pernambucana, em especial o lado direito, bastante explorado com as subidas de Rodinei. Foi em jogada pela esquerda, todavia, que o Clube do Povo abriu o placar. Aos 33, Patrick tabelou com Abel, que fez o pivô e lançou o Pantera. Em velocidade, ele invadiu a área rival, fintou Iago Maidana duas vezes e, de canhota, marcou um golaço.

Minutos depois, o lado direito enfim rendeu ao Inter um tento. Edenilson invadiu o espaço e serviu Rodinei, que cruzou na direção de Abel. Adryelson desviou antes do uruguaio, mas mandou na direção da própria meta. Contra, o gol foi do Clube do Povo, que só não desceu para os vestiários com dois gols de vantagem pois Marquinhos, aos 42, descontou para os locais.

  No final da partida Athletico PR leva a melhor e vence o América MG

Segundo tempo alucinante

Respondendo à altura o tento sofrido nos instantes finais da etapa inicial, o Inter abriu o segundo tempo marcando. Moledo, de cabeça, subiu soberano no primeiro poste e testou, direto para as redes, excelente cobrança de Leandro Fernández. O Sport, contudo, uma vez mais balançou as redes coloradas. Aos 10, quatro minutos depois do terceiro tento do Clube do Povo, Barcia descontou para os locais. O 3 a 2 no escore significou, dentro de campo, partida excessivamente franca, que passou a conviver com boas chegadas dos dois lados.

Aos espaços que o Sport vinha explorando, Coudet respondeu com a entrada de Rodrigo Dourado. Sem atuar desde o dia 10 de julho de 2019, o camisa 13 substituiu Lindoso, vestiu a faixa de capitão e tomou conta da entrada da área do Clube do Povo. Logo em seguida, Patrick, que a pouco marcara impedido, balançou as redes pela terceira vez na noite, segunda de modo regular.

Após cobrança de escanteio feita por Edenilson, Galhardo desviou na primeira trave e o Pantera, no segundo poste, completou para as redes desprotegidas. O tento, quarto do Inter, saiu aos 29. Seis minutos depois, veio o quinto: Edenilson atravessou o campo pelo corredor direito e serviu Yuri Alberto, que fuzilou sem chances para Luan. Mikael, aos 44, fez o terceiro dos visitantes e garantiu o 5 a 3 dos comandados de Coudet. Com o triunfo, o Inter, segundo colocado, chega aos 31 pontos, mesma pontuação do líder Atlético-MG.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Brasileirão Série A

Flu empata com Fortaleza e segue sem perder

Caio Paulista marca e Tricolor se mantém nas primeiras posições do Brasileirão

Publicados

em

Por

O Fluminense conquistou um ponto no Castelão contra o Fortaleza, neste domingo. Caio Paulista marcou para o Fluminense e Robson empatou. O Fluminense mantém uma invencibilidade de 14 jogos no Campeonato Brasileiro.

Seja Sócio e receba conteúdos exclusivos, além de ter descontos em vários parceiros. Faça o Fluminense mais forte e escolha um plano agora!

 

Primeiro tempo

Aos cinco minutos, o Fortaleza chegou com Pikachu, pela direita, mas o chute saiu ruim, fácil para Marcos Felipe. Na sequência, jogada pela esquerda, Egídio centrou mas a zaga cortou antes da chegada do Gabriel Teixeira. Aos 13, Martinelli sofre falta na lateral da área. Nene cobrou por cima do travessão. Aos 14, pressão na saída adversária, Fred recebeu um presente e finalizou com força, para a defesa do goleiro Felipe Alves. Aos 19, escanteio cobrado pelo Fortaleza na entrada da meia-lua, Éderson tentou chuhte colocado, mas a bola saiu a esquerda de Marcos Felipe. Aos 31, André sofreu falta na intermediária. Nene alçou a bola na área e a zaga do Fortaleza cortou. Aos 33, bom contra-ataque do Flu. Fred acionou Gabriel Teixeira que ligou rápido com Caio Paulista na direita. O atacante tentou o passe para o Nene que entrava livre, mas a zaga chegou no limite. Aos 37, Éderson achou David na esquerda, que finalizou cruzado, para fora. O atacante estava em posição irragular não assinalada pelo árbitro.

  No final da partida Athletico PR leva a melhor e vence o América MG

“A gente acabou que entrou no jogo deles, físico. Eles se mexexm muito. Mas temos que tentar ir pra cima, porque está aberto. Mas estamos errando o último passe. Espero que a gente possa acertar e fazer os gols”, disse o capitão Fred na saída do campo.

Segundo tempo

Aos sete minutos, David tentou um chute da linha da grande área, para fora. Aos 10, Nene cobrou escanteio, Nino raspou de cabeça na primeira trave e Caio Paulista completou para o gol. Fluminense 1 a 0. Aos 17, Fred rolou para Nene chutar de fora da área, resteira, no meio do gol. Felipe Alves defendeu. Aos 21, Pikachu cobrou escanteio pela direita e Benevenuto cabeceou por cima do gol. Aos 22, bola alçada na área e Marcos Felipe sai de soco, no rebote, chute do Luiz Henrique foi cortado por Luccas Claro. Aos 23, Yago Pikachu recebeu no lado direito e centrou para Robson completar para o gol. Tudo igual no Castelão, 1 a 1. A partir daí, o jogo ficou muito disputado no meio, com as ações neutralizadas dos dois lados.

  Internacional vence a 3ª partida seguida pelo Campeonato Gaúcho

“Foi um gol muito importante. Vamos continuar trabalhando para pontuar fora de casa”, falou Caio Paulista.

FICHA TÉCNICA
Campeonato Brasileiro – 5ª rodada
Castelão, Fortaleza (CE)
20/06/2021 – 18h15

Fortaleza (1)
Felipe Alves; Tinga, Benevenuto e Titi; Luiz Henrique (Vargas), Éderson, Felipe e Yago Pikachu; Romarinho (Oswaldo), Robson e David (Wellington Paulista). Técnico: Juan Vojvoda.

Fluminense (1)
Marcos Felipe; Calegari, Nino, Luccas Claro e Egídio; André (Wellington), Martinelli e Nene (Luiz Henrique); Gabriel Teixeira (Cazares), Caio Paulista (Kayky) e Fred (Abel Hernández). Técnico: Roger Machado.

Gols: Caio Paulista (10′ – 2T) (FLU); Robson (23′ – 2T) (FOR)
Cartões amarelos: Tinga, Luiz Henrique, Romarinho (FOR)

Arbitragem: Flávio Rodrigues de Souza (SP/FIFA) auxiliado por Luiz Alberto Nogueira (SP/CBF) e Evandro de Melo Lima (SP/CBF).

 

FOTOS: Lucas Merçon/FFC

Fonte: https://www.fluminense.com.br/noticia/flu-empata-com-fortaleza-e-segue-sem-perder

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

FLAMENGO

CORINTHIANS

SÃO PAULO

PALMEIRAS

MAIS LIDAS DA SEMANA