Brasileirão Série A

Flamengo perde para o RB Bragantino por 3 a 2, no Maracanã, pelo Brasileirão

Atacante Rodrigo Muniz marcou os dois gols do Mais Querido na partida

Publicados

em

O Flamengo sofreu neste sábado a sua primeira derrota no Campeonato Brasileiro: 3 a 2 para o RB Bragantino, no Maracanã. O jovem atacante Rodrigo Muniz marcou os dois gols do Mais Querido, que volta a campo na quarta-feira, também no Maracanã, para enfrentar o Fortaleza. O jogo, válido pelo Brasileiro, será disputado às 19h.

O jogo

A partida começou melhor para o Bragantino, que abriu o placar aos 11 minutos com Aderlan. Após sofrer o gol, o Mais Querido assumiu as rédeas do jogo e criou muito. Aos 14 minutos, Rodrigo Muniz soltou uma bomba da entrada da área e o goleiro Cleiton fez um milagre, salvando o Bragantino. Na segunda tentativa, o jovem artilheiro não perdoou. Aos 26 minutos, após confusão na área, Michael chutou mascado e a bola chegou até Muniz, que marcou de canhota dentro da área: 1 a 1.

Muniz seguia bem demais e aos 35 minutos quase marcou mais um. Ele finalizou cruzado de fora da área e Cleiton fez outro milagre. Aos 36, após o escanteio cobrado, Muniz chutou por cima do gol.

  Em partida eletrizante, Flamengo leva a melhor e continua invicto na Libertadores

Nada que desanimasse o garoto. No segundo tempo, veio a virada do Flamengo e em grande estilo. Aos 18 minutos, Matheuzinho cruzou na área e Rodrigo Muniz marcou de bicicleta. Uma pintura no Maracanã. A vantagem no placar, no entanto, não durou muito tempo. O Bragantino empatou aos 23 minutos com Ramires, em um lance de muita sorte do meio-campista.

O Flamengo dominou, criou mais, mas não conseguiu o terceiro gol. O castigo veio aos 52 minutos, com o gol de Chrigor, de cabeça.

Ficha

Flamengo x RB Bragantino – Campeonato Brasileiro

Estádio: Maracanã (RJ)

Data: 19 de junho de 2021

Árbitro: Braulio da Silva Machado (Fifa/SC)

Cartões amarelos: Bruno Henrique e Willian Arão (Flamengo) – Aderlan, Artur e Lucas Evangelista (RB Bragantino)

Gols: Aderlan aos 11′ do 1ºT, Rodrigo Muniz aos 26′ do 1ºT, Rodrigo Muniz aos 19′ do 2ºT, Ramires aos 23 do 2ºT e Chrigor aos 52 do 2ºT

Flamengo: Diego Alves, Matheuzinho, Willian Arão, Rodrigo Caio e Filipe Luís; Gerson, Diego e Vitinho; Michael (Michael), Bruno Henrique e Rodrigo Muniz. Técnico: Rogério Ceni.

  Sport perde para o Fortaleza no Castelão

RB Bragantino: Cleiton, Aderlan, Léo Ortiz, Fabrício Bruno e Weverson (Natan); Raul, Lucas Evangelista e Ramires (Edimar); Artur, Helinho (Cuello) e Ytalo (Chrigor). Técnico: Claudio Maldonado.

Fonte: https://www.flamengo.com.br/noticias/futebol/flamengo-perde-para-o-rb-bragantino-por-3-a-2–no-maracana–pelo-brasileirao

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

Brasileirão Série A

Com gol de Carlos Sánchez, Santos FC vence a Chapecoense na Arena Condá

Publicados

em

Na noite deste domingo (01), o Santos voltou para casa com os 3 pontos na bagagem. Venceu a Chapecoense por a 1 a 0 na Arena Condá, em Santa Catarina, com gol de pênalti de Carlos Sánchez, em jogo válido pelo Campeonato Brasileiro. Com o triunfo, o Peixe alcançou os 19 pontos, e a 7ª colocação na tabela.

O próximo compromisso do Alvinegro é a partida de volta pelas oitavas de finais da Copa do Brasil contra o Juazeirense, na quinta-feira (5), às 19h15, no Estádio Adauto Moraes. O time santista tem uma larga vantagem, já que venceu o primeiro jogo por 4 a 0.

O jogo
A partida iniciou movimentada, com as duas equipes procurando o gol.

Aos 10 minutos, o Peixe teve a primeira oportunidade. A bola é levantada na área, e após rebote da defesa, Jean Mota bate com firmeza e obrigado o arqueiro da Chapecoense a fazer boa defesa.

A segunda finalização do time santista ocorreu aos 26. Felipe Jonatan apareceu por trás da zaga, e chutou por cima do gol. Na sequência, foi a vez de Camacho tentar abrir o placar, mas a bola tomou o mesmo rumo do chute do lateral santista.

Em outra jogada pela esquerda, Felipe Jonatan cruza na área, e na disputa pela bola, Madson é derrubado na área. E após consulta no VAR, o árbitro sinaliza pênalti para o Alvinegro. Carlos Sánchez foi para a cobrança, mas o goleiro acabou defendendo. Em nova análise do VAR, o árbitro pede para o lance ser repetido, pois o goleiro se adiantou para defender a cobrança. Sánchez foi novamente para a bola, e com muita categoria, colocou a bola no ângulo, sem chances para o arqueiro do time catarinense. O uruguaio chega a marca de 28 gols pelo time da Vila Belmiro.

  “Temos muita satisfação e orgulho desses jogadores”, diz Paulo Autuori

Antes de encerrar a primeira etapa, João Paulo garantiu a vitória parcial do Peixe. Aos 46, o goleiro fez uma linda defesa após cabeçada perigosa dentro da área.

O Santos voltou do intervalo com a mesma postura ofensiva, e aos 4 minutos, quase ampliou o placar. Na trama entre Lucas Braga e Marcos Leonardo, o Menino da Vila finalizou já dentro da área, e por muito pouco, não marcou o segundo do time santista.

João Paulo fez mais uma ótima atuação pelo Santos FC (Foto: Ivan Storti/Santos FC)

Em ótima fase, João Paulo pratica mais uma defesa de encher os olhos, aos 20 minutos. A Chapecoense puxou rápido contra ataque, e Fernandinho chutou a bola no ângulo. João pulou e defendeu com as pontas dos dedos, e colocou a bola para escanteio. Três minutos depois, mais uma do arqueiro Menino da Vila. Em chute da entrada da área, ele voou novamente para afastar o perigo.

Com inteligência, o sistema defensivo do Santos controlou o ímpeto da Chapecoense ao tentar empatar, e o time da casa não teve muitas alternativas para furar a defesa do Peixe, e a partida terminou com a vitória do Alvinegro da Vila Belmiro.

  Athletico PR segue treinos visando confronto com Ceará

Ficha Técnica:
Chapecoense 0 x 1 Santos FC
Data:
 01/08/2021
Horário: 18h15
Gol: Carlos Sánchez (p) aos 42min do primeiro tempo.
Local: Arena Condá, em Chapecó, Santa Catarina.
Árbitro: Rodolpho Toski Marques
Assistentes: Ivan Carlos Bohn e Edson da Silva
Cartões amarelos: Jair Ventura (treinador da ACF) e Keiller (no banco de reservas) (ACF); Eduardo Zuma (auxiliar) (SFC)
Cartão vermelho: Keiller (no banco de reservas) (ACF)
ACF: João Paulo; Matheus Ribeiro, Kadu, Derlan e Busanello; Anderson Leite, Léo Gomes (Foguinho) e Felipe Baxola (Ravanelli); Anselmo Ramon (Perroti), Fabinho (Geuvânio) e Fernandinho (Mike). Técnico: Jair Ventura
SFC: João Paulo; Madson, Kaiky, Luiz Felipe (Wagner Leonardo) e Felipe Jonatan; Camacho, Carlos Sánchez (Vinícius Zanocelo) e Jean Mota; Marcos Guilherme (Gabriel Pirani), Marcos Leonardo e Lucas Braga (Bruno Marques). Técnico: Fernando Diniz

fonte: https://www.santosfc.com.br/com-gol-de-carlos-sanchez-santos-fc-vence-a-chapecoense-na-arena-conda/

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

FLAMENGO

CORINTHIANS

SÃO PAULO

PALMEIRAS

MAIS LIDAS DA SEMANA