Fluminense

Mário lembra importância do apoio dos Tricolores em ano de Libertadores

Em participação no Boteco Brahma Tricolor, presidente expressa confiança no planejamento para 2021

Publicados

em

 

 

Na sexta-feira (9), a FluTV acompanhou o sorteio dos grupos da Libertadores 2021. Além de River Plate (ARG) e Independiente Santa Fe (COL), o Time de Guerreiros terá pela frente o vencedor do duelo entre Bolívar (BOL) e Junior Barranquilla (COL).

 

Durante edição especial do Boteco Brahma Tricolor, exibida no YouTube, o presidente Mário Bittencourt explicou a busca por reforços para 2021.

 

 

“Em breve, ao longo da semana, tendemos a trazer os reforços de que precisamos para compor o time para disputar a Libertadores. E não só a Libertadores. Temos ainda a Copa do Brasil, que é uma competição fundamental, o Campeonato Brasileiro e o Campeonato Carioca. Temos quatro competições a disputar. Estamos montando um bom plantel e um bom trabalho para 2021”.

 

Ao fim de sua participação no programa, Mário lembrou a importância do apoio dos Tricolores e reforçou o discurso pela associação ao clube. Ele ainda expressou sua confiança no trabalho realizado pela comissão técnica de Roger Machado no comando da equipe.

 

 

  Fluminense chega a 50º jogo no ano com 56% de aproveitamento

“Que estejamos juntos na Libertadores, na associação em massa do nosso torcedor, para que façamos uma grande temporada, com o trabalho de reconstrução da instituição. Vocês são fundamentais para que possamos levar o Fluminense ao lugar que ele merece: entre os grandes do futebol brasileiro, no topo do futebol brasileiro e sul-americano. Tenho certeza de que vamos representar bem o nosso clube. Nossa comissão técnica faz um grande trabalho com o grupo de jogadores”.

 

 

 


Fotos: arquivo//Lucas Merçon – Fluminense F.C.

 

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

Fluminense

Nino comemora convocação e sonha com Olimpíada: “Muita emoção”

Zagueiro do Fluminense vai participar do último período de preparação da seleção olímpica antes dos Jogos de Tóquio

Publicados

em

Quando André Jardine anunciou seu nome, Nino não conseguiu conter a emoção. E ela se justifica. Ao ser chamado para o período de treinamentos e amistosos da seleção olímpica, o zagueiro do Fluminense se vê muito perto de realizar um sonho: disputar os Jogos de Tóquio, onde o Brasil vai defender sua medalhar de ouro.

Esta foi a última convocação antes do anúncio da lista oficial para as Olimpíadas. Nino espera agarrar a oportunidade com unhas e dentes e seguir mostrando, tanto na seleção como no Fluminense, que merece estar no grupo final.

“Estou me sentindo muito feliz e orgulhoso. Eu estava em casa com minha esposa, assistindo, na expectativa de ser convocado. É uma honra e uma motivação. Isso é o reconhecimento do trabalho que a gente tem feito aqui no Fluminense, e fico muito feliz de ter sido lembrado”, disse o camisa 33.

 

 

A CBF ainda não divulgou a programação completa do período em que Nino estará à disposição do técnico André Jardine. Existe a expectativa de que amistosos sejam realizados, mas eles ainda não estão confirmados por questões burocráticas.

  Na noite desta segunda-feira, Ceará enfrenta o Fluminense na Arena Castelão

 

Nino tem sido nome recorrente nas convocações para a seleção olímpica. O zagueiro do Fluminense, de 24 anos, foi titular e peça fundamental na equipe que conquistou o título e, consequentemente, a vaga no Pré-Olímpico da Colômbia, no início de 2020. Assim, passo a passo, deseja finalizar toda essa experiência em Tóquio.

“É um sonho para mim. Hoje me vejo perto desse sonho estando na penúltima convocação. Então espero continuar fazendo um bom trabalho aqui e quando chegar lá agradar nos treinamentos e nos amistosos para, se Deus quiser, conseguir realizar esse sonho”, declarou o camisa 33 do Time de Guerreiros.

Apesar de ter 24 anos, o zagueiro poderá ser convocado para as Olimpíadas por conta do adiamento dos Jogos de Tóquio do ano passado para este ano em função da pandemia.

A apresentação da seleção olímpica está marcada para o próximo dia 27 de maio. Desta forma, Nino vai desfalcar o Fluminense nas duas primeiras rodadas do Campeonato Brasileiro (contra São Paulo e Cuiabá, nos dias 29 de maio e 5 de junho, respectivamente), no duelo de ida da terceira fase da Copa do Brasil, contra o Red Bull Bragantino (dias 1º e 8 de junho), e possivelmente no confronto de volta.

  Fluminense empata com Vasco 1 a 1 e segue no G7 do Brasileirão

 

Foto: Comunicação/FFC

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

FLAMENGO

CORINTHIANS

SÃO PAULO

PALMEIRAS

MAIS LIDAS DA SEMANA