Brasileirão Série A

Grêmio empata com o Santos na Arena, pela 34ª rodada do Brasileirão

Publicados

em

O Grêmio entrou em campo na tarde de quarta-feira, na Arena, para enfrentar o Santos, em partida válida pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com alguns retornos importantes na equipe, o Tricolor acabou empatando com o Peixe em 3 a 3.

O jogo iniciou equilibrado, mas foi o Santos que abriu o placar aos 7 minutos, com Kaio Jorge. Os gremistas não se abalaram e pressionaram o time paulista. Aos 36’, Diego Souza igualou o marcador, assinalando de pênalti.

Aos 41 segundos da etapa complementar, depois de boa trama coletiva, Jean Pyerre virou o placar, marcando o segundo gol gremista. Logo em seguida, aos 7’, foi a vez de Pepê assinalar o terceiro, depois de receber um passe de Lucas Silva, invadir a área e chutar rasteiro. O Peixe conseguiu assinalar o segundo aos 21’, com Arthur Gomes e aos 50′, o terceiro com Madson, ambos de pênalti.

Com o resultado, o Grêmio soma um ponto na competição..

Primeiro Tempo 

No começo da primeira etapa, o Grêmio chegou bem, com uma envolvente troca de passes. No lance, Diogo Barbosa trabalhou muito bem com Pepê, pela meia esquerda, recebeu o último passe e chutou forte a gol, mas a bola subiu demais. Já aos 4’, Diogo cobrou uma falta, colocando na área para Alisson subir e desviar de cabeça, mas pela linha de fundo.

  Na última partida de 2020, Santos empata com o Ceará

Mas com 7 minutos de jogo, na sua primeira chegada ao ataque, o Santos conseguiu abrir o placar. Luan Peres invadiu a área pela esquerda e cruzou na medida para Kaio Jorge, que deslocou Vanderlei e empurrou para o fundo das redes.

Passados 19’, o Grêmio respondeu com um escanteio. Jean colocou na área, mas a defesa santista fez o corte. Em seguida, foi a vez de Matheus Henrique colocar na área, mas ninguém chegou para completar a gol.

O Tricolor seguiu no ataque e quase marcou com Alisson aos 26’. Diogo cruzou na área, o atacante chegou para finalizar, mas foi flagrado em posição de impedimento. Na sequência, Jean recebeu dentro da área, cortou a marcação, mas ao chutar, acabou caindo e a bola ficou com o Peixe.

Aos 32’, os gremistas chegavam com perigo em um lance de Jean e Pepê, que acabou derrubado na área. Pênalti. Na cobrança, Diego Souza mandou no centro, a meia altura, empatando o placar na Arena, aos 36’.

Na reta final, aos 44’, o Santos fez um cruzamento na área buscando Arthur Gomes, que desviou com muito perigo de cabeça, obrigando uma grande defesa de Vanderlei.

  Em jogo movimentado, Botafogo vence o Sport de 2 a 1

Segundo Tempo 

O Grêmio voltou a campo com a mesma formação na etapa complementar e na sua primeira chegada ao ataque, foi efetivo. Victor Ferraz deu passe para Pepê, que rolou para Jean Pyerre na esquerda. O camisa 10 recebeu em condições e mandou para o fundo das redes, virando o placar na Arena, antes do minuto inicial.

Aos 7’, foi a vez de Pepê partir para o ataque e assinalar o terceiro, depois de receber um passe de Lucas Silva, invadir a área e chutar rasteiro.

O Santos respondeu aos 15’, quando Arthur Gomes fez um cruzamento na marca penal, mas Vanderlei tirou de soco. Kannemann e Rodrigues completaram, afastando.

O Peixe ainda teve um pênalti a seu favor. Aos 21’, Arthur Gomes mandou no centro da meta, descontando no placar.

O Tricolor tentou com um cruzamento de Victor Ferraz na área. Houve o desvio na defesa e a bola sobrou para Pepê, mas o jogador não conseguiu completar, com 39 minutos jogados.

Ao final da partida, os visitantes ainda tiveram um jogador expulso: Sandry, com o segundo cartão amarelo na partida. E ainda conseguiram empatar a partida. Nos acréscimos, mais um pênalti a seu favor. Madson cobrou e deixou tudo igual na Arena.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Brasileirão Série A

Com gol de Calleri, Tricolor vence o Corinthians pelo Brasileirão

Em noite de inauguração do Camarote dos ídolos, no Morumbi, São Paulo derrotou o rival por 1 a 0

Publicados

em

Foi uma noite majestosa no Morumbi! Na inauguração do Camarote dos Ídolos, que reuniu craques que fizeram história no São Paulo, e com apoio incondicional da torcida, o Tricolor venceu o Corinthians por 1 a 0 nesta segunda-feira (18) em duelo válido pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro.

> FOTOS DO CLÁSSICO!

O gol são-paulino no clássico – o primeiro de Rogério Ceni neste retorno ao clube -, foi marcado pelo argentino Calleri. Com a importante vitória no Majestoso, o Tricolor subiu para a 12ª colocação, agora com 34 pontos.

O próximo compromisso no torneio nacional será diante do Red Bull Bragantino no domingo (24), às 18h15, no Estádio Nabi Abi Chedid.

Para encarar o rival, o time não contou com Igor Vinícius (aprimora a forma física após trauma no olho esquerdo), William (artroscopia no joelho), Luan (avulsão tendínea de adutor da coxa esquerda), Galeano (trauma no tornozelo direito) e Rigoni (pequeno estiramento no músculo posterior da coxa esquerda), além de Miranda (suspenso pelo terceiro amarelo).

  Na última partida de 2020, Santos empata com o Ceará

Já o zagueiro Arboleda retornou após três jogos – estava com a seleção equatoriana nas Eliminatórias para a Copa do Mundo. Assim, o técnico Rogério Ceni escalou a equipe com Volpi; Orejuela, Arboleda, Léo e Reinaldo; Liziero, Gabriel Sara, Igor Gomes e Benitez; Luciano e Calleri.

Com um início frenético e contagiado pelos torcedores, o Tricolor logo partiu para cima do adversário e balançou as redes aos dois minutos com Luciano. A arbitragem, porém, invalidou o gol do camisa 11 e assinalou impedimento.

E com uma postura ofensiva, o São Paulo largou na frente aos seis minutos: Reinaldo avançou pela esquerda e cruzou na medida para Calleri, que desviou para abrir o placar! 1 a 0!

Na volta para a etapa complementar, o uruguaio Gabriel entrou no lugar de Benitez. O time são-paulino seguiu dominante e ditou o ritmo do clássico. Aos 37 minutos, Luciano arriscou de fora da área e acertou uma bomba na trave.

Empurrada pela força das arquibancadas, a equipe não permitiu a reação do Corinthians e conquistou uma importante vitória no Majestoso! 1 a 0.

SÃO PAULO 1 x 0 CORINTHIANS

  Grêmio supera o Cuiabá e garante vaga na semifinal da Copa do Brasil

Local: Morumbi, em São Paulo (SP)
Data: 18/10/2021 (segunda-feira)
Gol: Calleri (6/1T)
Cartões amarelos: Arboleda, Liziero e Gabriel (SPFC) João Victor e Roger Guedes (Corinthians)
Público pagante: 23.874 torcedores
Renda: R$ 1.076.213,00

Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)
Assistentes: Jorge Eduardo Bernardi (RS) e Jose Eduardo Calza (RS)
Quarto Árbitro: Thiago Lourenço de Mattos (SP)
Analista de Campo: Carlos Donizeti Pianosqui (SP)
Árbitro de Vídeo: Daniel Nobre Bins (RS)
AVAR: Andre da Silva Bitencourt (RS)
Observador de VAR: Sergio Correa da Silva (RJ)

SÃO PAULO: Tiago Volpi; Orejuela (Diego Costa, 42/2T), Arboleda, Léo e Reinaldo; Liziero, Gabriel Sara (Marquinhos, 35/2T), Igor Gomes e Benitez (Gabriel, intervalo); Luciano (Rodrigo Nestor, 42/2T) e Calleri (Pablo, 31/2T). Técnico: Rogério Ceni.

Corinthians: Cássio; Du Queiroz, João Victor, Gil e Fábio Santos; Cantillo (Jô), Adson (Gustavo Silva), Renato Augusto e Giuliano; Gabriel Pereira e Roger Guedes. Técnico: Sylvinho.

fone: http://www.saopaulofc.net/noticias/noticias/campeonato-brasileiro/2021/10/18/com-gol-de-calleri,-tricolor-vence-o-corinthians-pelo-brasileirao

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

FLAMENGO

CORINTHIANS

SÃO PAULO

PALMEIRAS

MAIS LIDAS DA SEMANA