copa do brasil

Grêmio enfrenta o Juventude na Copa do Brasil e revive confrontos passados

Tricolor tem 10 classificações contra o Papo em 13 disputas e não perde como mandante desde 2008

Publicados

em

Entre a década de 90 e o início dos anos 2000, o Juventude era a terceira força do futebol gaúcho. Presença constante na primeira divisão, ganhou o Campeonato Gaúcho de 98 e a Copa do Brasil de 99, ambos com vitórias sobre o Inter em final e semifinal, respectivamente.

Contra o Tricolor, no entanto, o Papo não teve o mesmo sucesso. Perdeu os títulos gaúchos de 96, também após bater o Inter, e de 2001, em finais com o Grêmio. Ainda foi eliminado no Brasileirão de 2002, nas quartas de final, após ficar na frente na fase classificatória .

Artilheiro da Série B e destaque do Juventude neste segundo semestre de 2020, o atacante Breno é a esperança de gols na Arena. Para mudar a escrita de quedas para o Tricolor, ele ressalta a importância de a equipe não mudar a característica que levou-a à quarta posição na segunda divisão.

Mas o atacante não esteve em campo na partida entre Grêmio e Juventude pelo Gauchão, em fevereiro. Também na Arena, os donos da casa venceram por 3 a 0. Quem atuou foi o gremista Lucas Silva. O volante vê vantagem em já conhecer o estilo de jogo do adversário.

Vejo como uma vantagem por já ter jogado contra e conhecer um pouco o adversário. Pegar um time da mesma região e não ter que fazer viagem, que seria desgastante. O Grêmio está em três competições. Pode ter certeza que vamos estar muito preparados para esse inicio de mata-mata na Copa do Brasil — comentou Lucas Silva.

Histórico favorável ao Tricolor

A superioridade em mata-mata fica evidente para o lado azul. São 13 mata-matas envolvendo Grêmio e Juventude, com 10 triunfos do Tricolor e apenas três dos alviverdes. O mais recente ocorreu no ano passado, justamente nas oitavas da Copa do Brasil, com empate em 0 a 0 no Jaconi e vitória gremista por 3 a 0 na Arena

Aliás, no novo estádio, o Grêmio ainda não perdeu para o Juventude. A última derrota ocorreu em 2008, ainda no Olímpico, nas quartas de final do estadual.

Grêmio e Juventude começam as oitavas de final da Copa do Brasil nesta quinta, às 21h30, na Arena. O segundo jogo está marcado para a próxima quinta, no Alfredo Jaconi, em mesmo horário.

GRÊMIO X JUVENTUDE – COPA DO BRASIL – OITAVAS DE FINAL (IDA)

  • Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre
  • Data e horário: quinta-FEIRA (29/10), às 21h30
  • Provável Grêmio: Vanderlei; Victor Ferraz, Geromel, Kannemann e Diogo Barbosa; Maicon, Lucas Silva, Ferreira (Everton), Isaque e Pepê; Diego Souza.
  • Desfalques: Alisson, Matheus Henrique, Leonardo, Paulo Miranda, Jean Pyerre, Robinho e Luiz Fernando
  • Provável Juventude: Marcelo Carné; Igor, Genílson, Bareiro e Eltinho; João Paulo, Gustavo Bochecha (Gabriel Bispo), Capixaba, Renato Cajá e Breno; Dalberto.
  • Desfalque: Samuel Santos.
  • Arbitragem: Anderson Daronco (Fifa-RS), auxiliador por Rafael da Silva Alves (Fifa-RS) e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa (SP). O árbitro de vídeo Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (SP).
  • Transmissão: Sportv e Premiere transmitem ao vivo, com narração de Luiz Carlos Jr. e comentários de Roger Flores e Paulo Nunes.

 

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

América - MG

Internacional perde do América nos pênaltis e é eliminado da Copa do Brasil

Publicados

em

O Internacional lutou até o final na noite desta quarta-feira, em Belo Horizonte, mas não conseguiu alcançar a classificação na Copa do Brasil. O time colorado venceu o América-MG por 1 a 0 no tempo normal, com gol de Yuri Alberto marcado no finalzinho do segundo tempo, e levou a decisão da vaga para os pênaltis. Porém, acabou superado por 6 a 5 e se despediu do torneio.

Agora, o foco fica concentrado nas disputas do Brasileirão e da Libertadores. No domingo (22/11), às 18h15, o Inter recebe o Fluminense, no Beira-Rio, pela 22ª rodada do Brasileirão. Na próxima quarta (25/11), começa a decidir com o Boca Juniors, também no Gigante, a vaga às quartas de final da competição continental.

O time que começou a partida na capital mineira teve mudanças em relação ao jogo contra o Santos. Moisés retomou a titularidade na lateral esquerda, enquanto Rodrigo Lindoso e D’Alessandro foram as novidades no meio-campo. No ataque, Leandro Fernández foi o substituto de Abel Hernández, lesionado.

Edenilson realizou tratamento intensivo após sofrer uma pancada no joelho no confronto com o Peixe e pôde atuar desde o início. Já o artilheiro Thiago Galhardo – que esteve em Montevidéu com a Seleção Brasileira que enfrentou o Uruguai, na terça à noite, pelas Eliminatórias da Copa de 2022 – se juntou à delegação colorada nesta quarta e reforçou o time de Abel Braga. Nonato, Patrick e o goleiro Daniel, diagnosticados com Covid-19, e Mauricio, impossibilitado de atuar por já ter defendido o Cruzeiro na Copa do Brasil, foram os desfalques.

  Atlético GO questiona sorteio e estuda pedir anulação da Copa do Brasil

Disputado sob chuva intensa, o primeiro tempo foi de pouca inspiração no plano ofensivo. O Inter tentou pressionar, mantendo a posse de bola e trocando passes no campo de ataque na busca pela penetração na área, mas a forte marcação imposta pelo time mineiro dificultou o sucesso das investidas. Por outro lado, também não foi ameaçado pelos donos da casa.

A partida recomeçou com o mesmo panorama: o Inter girava a bola no campo de ataque sem conseguir a finalização diante de um América-MG disposto apenas a se defender. Abel Braga promoveu mudanças ao longo da etapa, colocando Yuri Alberto, o atacante Caio Vidal, oriundo do time Sub-20, Uendel e Praxedes em campo.

O Colorado tentou até os minutos finais o gol que levaria a decisão da vaga para os pênaltis, e ele nasceu no apagar das luzes, aos 49min, com Yuri Alberto. Nas cobranças de penalidades máximas, no entanto, o América-MG errou uma cobrança, enquanto o Inter deixou de converter duas vezes, uma na primeira série de cinco e outra nos chutes alternados.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

FLAMENGO

CORINTHIANS

SÃO PAULO

PALMEIRAS

MAIS LIDAS DA SEMANA