Brasileirão Série A

Inter vence o Bahia em Pituaçu

Publicados

em

Vence o Clube do Povo! Pela terceira rodada do Brasileirão, o Colorado superou o Bahia, na noite deste domingo (13/06), por 1 a 0. Edenilson marcou o gol da partida, disputada a partir das 20h30 no Estádio de Pituaçu.

Confira as entrevistas pós-jogo;

Dono de quatro pontos no Brasileirão 2021, o Clube do Povo volta a campo na próxima quarta-feira (16/06). O adversário, pela quarta rodada nacional, será o Atlético-MG. A partida ocorre no Beira-Rio, a partir das 19h.

Atuação competitiva

O Inter controlou a posse de bola ao longo do primeiro tempo, que presenciou enorme disposição dos atletas colorados. Encaixado defensivamente e forte pelos lados do campo, o Clube do Povo ainda soube ser cirúrgico para converter a melhor oportunidade criada no confronto.

Lançado nas costas da marcação, Edenilson só não driblou Matheus Teixeira e entrou com bola e tudo pois foi derrubado pelo goleiro. Convertido com a tradicional categoria pelo camisa oito colorado, o pênalti, somado a milagre de Daniel, operado nos acréscimos, garantiu ao Inter importante vitória de 1 a 0 até a chegada do intervalo.

  Fora de casa, Grêmio acaba superado por 1 a 0 pelo Bragantino

O Colorado retornou com força do intervalo, pressionando, especialmente, pelo corredor esquerdo, intensamente desbravado por Leo Borges. Logo aos sete, porém, Lucas Ribeiro foi expulso, e o Inter precisou encarar mais de 40 minutos em inferioridade numérica dentro de campo. Foi então que a vibração, já intensa na etapa inicial, virou protagonista até o último apito.

Com muita aplicação tática, os comandados de Osmar Loss encurralaram o Bahia, que pouco conseguiu criar afora cruzamentos despretensiosos e arremates de longa distância. Determinado, o Inter também armou bons escapes, especialmente em contra-ataques puxados por Taison, mas defendidos por Matheus Teixeira. Assim, o placar seguiu inalterado até o último apito, garantindo a primeira vitória colorada no Brasileirão!

                                      Fotos: Ricardo Duarte

Ficha técnica:

Bahia (0): Matheus Teixeira; Renan Guedes, Conti, Juninho e Matheus Bahia (Juninho Capixaba); Patrick de Lucca (Galdezani), Daniel e Thaciano (Thonny Anderson); Rossi (Maycon Douglas), Gilberto e Rodriguinho (Óscar Ruiz). Técnico: Dado Cavalcanti.

  Athletico cumpre mais um dia de treino visando confronto contra o Galo

Internacional (1): Daniel; Heitor (Rodrigo Lindoso), Lucas Ribeiro, Victor Cuesta e Leo Borges; Johnny, Edenilson, Taison (Mauricio) e Patrick; Thiago Galhardo (Zé Gabriel) e Yuri Alberto (Caio Vidal). Técnico: Osmar Loss.

Gols: Edenilson, aos 30’/1ºT (I).

Cartões amarelos: Matheus Teixeira, Dado Cavalcanti, Thonny Anderson, Matheus Bahia e Renan Guedes (B). Yuri Alberto, Taison e Leo Borges (I).

Cartão vermelho: Lucas Ribeiro (I).

Arbitragem: Wagner do Nascimento Magalhães, auxiliado por Michael Correia e Daniel do Espírito Santo Parro. Quarto árbitro: Edvalter Marinho dos Santos. VAR: Márcio Henrique de Gois.

Estádio: Pituaçu-BA.

fonte: https://internacional.com.br/noticias/cronica-bahia-x-inter

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Brasileirão Série A

Com gol de Carlos Sánchez, Santos FC vence a Chapecoense na Arena Condá

Publicados

em

Na noite deste domingo (01), o Santos voltou para casa com os 3 pontos na bagagem. Venceu a Chapecoense por a 1 a 0 na Arena Condá, em Santa Catarina, com gol de pênalti de Carlos Sánchez, em jogo válido pelo Campeonato Brasileiro. Com o triunfo, o Peixe alcançou os 19 pontos, e a 7ª colocação na tabela.

O próximo compromisso do Alvinegro é a partida de volta pelas oitavas de finais da Copa do Brasil contra o Juazeirense, na quinta-feira (5), às 19h15, no Estádio Adauto Moraes. O time santista tem uma larga vantagem, já que venceu o primeiro jogo por 4 a 0.

O jogo
A partida iniciou movimentada, com as duas equipes procurando o gol.

Aos 10 minutos, o Peixe teve a primeira oportunidade. A bola é levantada na área, e após rebote da defesa, Jean Mota bate com firmeza e obrigado o arqueiro da Chapecoense a fazer boa defesa.

A segunda finalização do time santista ocorreu aos 26. Felipe Jonatan apareceu por trás da zaga, e chutou por cima do gol. Na sequência, foi a vez de Camacho tentar abrir o placar, mas a bola tomou o mesmo rumo do chute do lateral santista.

Em outra jogada pela esquerda, Felipe Jonatan cruza na área, e na disputa pela bola, Madson é derrubado na área. E após consulta no VAR, o árbitro sinaliza pênalti para o Alvinegro. Carlos Sánchez foi para a cobrança, mas o goleiro acabou defendendo. Em nova análise do VAR, o árbitro pede para o lance ser repetido, pois o goleiro se adiantou para defender a cobrança. Sánchez foi novamente para a bola, e com muita categoria, colocou a bola no ângulo, sem chances para o arqueiro do time catarinense. O uruguaio chega a marca de 28 gols pelo time da Vila Belmiro.

  Internacional reage e empata com Atlético MG no fim do 2º tempo

Antes de encerrar a primeira etapa, João Paulo garantiu a vitória parcial do Peixe. Aos 46, o goleiro fez uma linda defesa após cabeçada perigosa dentro da área.

O Santos voltou do intervalo com a mesma postura ofensiva, e aos 4 minutos, quase ampliou o placar. Na trama entre Lucas Braga e Marcos Leonardo, o Menino da Vila finalizou já dentro da área, e por muito pouco, não marcou o segundo do time santista.

João Paulo fez mais uma ótima atuação pelo Santos FC (Foto: Ivan Storti/Santos FC)

Em ótima fase, João Paulo pratica mais uma defesa de encher os olhos, aos 20 minutos. A Chapecoense puxou rápido contra ataque, e Fernandinho chutou a bola no ângulo. João pulou e defendeu com as pontas dos dedos, e colocou a bola para escanteio. Três minutos depois, mais uma do arqueiro Menino da Vila. Em chute da entrada da área, ele voou novamente para afastar o perigo.

Com inteligência, o sistema defensivo do Santos controlou o ímpeto da Chapecoense ao tentar empatar, e o time da casa não teve muitas alternativas para furar a defesa do Peixe, e a partida terminou com a vitória do Alvinegro da Vila Belmiro.

  Corinthians é superado pelo Flamengo na Neo Química Arena

Ficha Técnica:
Chapecoense 0 x 1 Santos FC
Data:
 01/08/2021
Horário: 18h15
Gol: Carlos Sánchez (p) aos 42min do primeiro tempo.
Local: Arena Condá, em Chapecó, Santa Catarina.
Árbitro: Rodolpho Toski Marques
Assistentes: Ivan Carlos Bohn e Edson da Silva
Cartões amarelos: Jair Ventura (treinador da ACF) e Keiller (no banco de reservas) (ACF); Eduardo Zuma (auxiliar) (SFC)
Cartão vermelho: Keiller (no banco de reservas) (ACF)
ACF: João Paulo; Matheus Ribeiro, Kadu, Derlan e Busanello; Anderson Leite, Léo Gomes (Foguinho) e Felipe Baxola (Ravanelli); Anselmo Ramon (Perroti), Fabinho (Geuvânio) e Fernandinho (Mike). Técnico: Jair Ventura
SFC: João Paulo; Madson, Kaiky, Luiz Felipe (Wagner Leonardo) e Felipe Jonatan; Camacho, Carlos Sánchez (Vinícius Zanocelo) e Jean Mota; Marcos Guilherme (Gabriel Pirani), Marcos Leonardo e Lucas Braga (Bruno Marques). Técnico: Fernando Diniz

fonte: https://www.santosfc.com.br/com-gol-de-carlos-sanchez-santos-fc-vence-a-chapecoense-na-arena-conda/

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

FLAMENGO

CORINTHIANS

SÃO PAULO

PALMEIRAS

MAIS LIDAS DA SEMANA