Brasileirão Série A

Líder, Palmeiras supera Atlético-GO fora de casa por 3 a 0 no Campeonato Brasileiro

Publicados

em

Clique aqui para ver a ficha técnica, estatísticas e tudo sobre o jogo!

Com o resultado, o Verdão embalou seu sétimo triunfo consecutivo no retrospecto geral, sendo agora seis vitórias seguidas pelo Brasileiro e uma pela Libertadores (1 a 0 sobre o Universidad Católica-CHI, fora de casa, na última quarta-feira). As seis vitórias seguidas do Alviverde pelo Nacional foram diante do Bahia (3×2 em casa), Internacional (2×1 fora), Sport (1×0 fora), Grêmio (2×0 em casa), Santos (2×0 em casa) e, agora, Atlético-GO (3×0 fora).

Com a série atual, esta foi a primeira vez desde 2019 que o Alviverde emplacou seis vitórias seguidas pelo Brasileirão: entre 04/05 e 13/06 daquele ano, o Alviverde alcançou sete resultados positivos de forma sequencial: Internacional (1×0, em casa), Atlético-MG (2×0, fora), Santos (4×0, em casa), Botafogo (1×0, no Mané Garrincha, como visitante), Chapecoense (2×1, fora), Athletico-PR (1×0, em casa) e Avaí (2×0, em casa).

Esta foi a primeira vez que o Maior Campeão do Brasil jogou no Estádio Antônio Accioly, popularmente conhecido como Castelo do Dragão. Localizado em Goiânia-GO, o estádio existe desde o século passado, mas foi demolido em 2001, ganhou novos moldes em 2013 e voltou a ser utilizado pelo Atlético-GO somente em 2015. Desde 2018, possui a forma atual, mas apenas em 2020 passou por uma reforma para poder receber jogos do Campeonato Brasileiro Série A – este é o quarto estádio de Goiânia-GO que recebeu o time do Palmeiras. Os outros foram: Olímpico Pedro Ludovico Teixeira, Serra Dourada e Hailé Pinheiro.

  Goiás empata com Avaí em jogo válido pela 22ª rodada do Brasileirão

Somando todos os jogos do Verdão na capital goiana, o retrospecto que é equilibrado, passou, hoje, com o resultado, a ter o Verdão na frente da vantagem numérica: 42 jogos, 18 vitórias palmeirenses, sete empates e 17 derrotas, com 58 gols marcados e 55 gols sofridos.

A vitória trouxe vantagem numérica também especificamente contra o Atlético-GO como visitante. O histórico entre as equipes na casa do Atlético-GO aponta, com o resultado desta tarde, dez jogos, sendo cinco vitórias do Palmeiras, um empate e quatro triunfos atleticanos, com 20 gols alviverdes contra 13 tentos rivais.

Além disso, o Palmeiras desempatou o retrospecto entre as equipes também apenas pelo Campeonato Brasileiro, pois, ao longo da história, Palmeiras e Atlético-GO já se enfrentaram 11 vezes (com esta) pelo Campeonato Brasileiro, e agora é favorável ao Verdão: cinco vitórias palmeirenses, dois empates e quatro triunfos atleticanos, com 16 gols para o Alviverde e 13 para o Atlético-GO.

Já no retrospecto geral, o Palmeiras não sabe o que é perder para o rival da vez desde 2012 – o último revés foi em 25/11/2012. Depois, entre 2013 e 2021, já com o jogo de hoje, foram sete jogos entre as equipes, com seis vitórias do Maior Campeão do Brasil e um empate. Tanto a série de sete jogos sem derrota quanto a sequência de cinco vitórias seguidas (obtida dentro desta série invicta de seis partidas) são as maiores do duelo entre Palmeiras e Atlético-GO. No total, as equipes se enfrentaram 17 vezes: 9 vitórias do Palmeiras, dois empates e seis triunfos do Dragão, com 26 gols marcados e 19 gols sofridos.

  Cuiabá vence Juventude e deixa o Z4 do Brasileirão na estreia de Deyverson

Individualmente, Willian se tornou o quinto jogador com mais partidas pelo Palmeiras neste século (Valdivia ocupa o posto isoladamente, com 241 partidas – agora ambos estão empatados) e o 54º com mais confrontos na história do clube (Valdivia novamente e Arce eram, empatados, os donos da posição – e agora Willian se juntou à dupla).

Já o goleiro Weverton chegou à sua 101ª vitória pelo Palmeiras, em um total de 181 jogos – o arqueiro está no clube desde 2018. Weverton está no top 10 dos goleiros que mais jogaram em todos os tempos, na nona posição, e integra o top 100 dos jogadores – independentemente da posição – que mais vestiram a camisa do clube, com 181 jogos, na 99ª colocação. Do atual elenco, integram este top 100 de mais jogos Dudu (29º, com 309 jogos), Willian (54º, com 241 duelos) e Felipe Melo (72º, com 207 partidas).

Dudu também foi destaque: ele fez sua primeira partida como titular desde 10 de maio, quando jogou pela última vez no Al Duhail, do Catar. Desde sua volta do futebol árabe ao Verdão, ele havia entrado aos 43′ do 2T contra o Santos e aos 19′ do 2T contra a Católica, no Chile (portanto, foi sua terceira partida no total pelo Verdão, a primeira como titula desde sua volta). Nascido em Goiânia, o atual camisa 43 teve a oportunidade de reencontrar a titularidade justamente em sua terra natal – pelo Verdão, a última vez em que Dudu havia sido titular foi em 14/03/2020, empate sem gols contra a Inter de Limeira, fora de casa, pelo Campeonato Paulista daquele ano – justamente o jogo de sua despedida.

Fonte: https://www.palmeiras.com.br/pt-br/noticias/lider-palmeiras-supera-atletico-go-fora-de-casa-por-3-a-0-no-campeonato-brasileiro/

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

Brasileirão Série A

Palmeiras vence Corinthians e dispara na liderança do Brasileirão 2022

Publicados

em

O Palmeiras soube aproveitar um erro decisivo do Corinthians neste sábado (13.08), venceu o clássico e disparou na liderança do Brasileirão. Em jogo da 22ª rodada, um gol contra de Roni definiu o 1 a 0 alviverde na Neo Química Arena. 

Cada vez mais embalado, o Palmeiras dispara e abre nove pontos na liderança (48 contra 39 do rival). O time agora tem a semana inteira reservada a treinos antes de receber o Flamengo em casa, no domingo que vem (21), novamente pelo Brasileirão.

O Corinthians, pelo contrário, viu a crise aumentar ainda mais. Sem vencer há quatro jogos, os comandados de Vítor Pereira terão pela frente outro teste de fogo, na quarta-feira (17): precisa reverter a desvantagem de dois gols contra o Atlético-GO para seguir na Copa do Brasil.

Uma derrota pode transbordar o caldeirão corintiano, iniciado com o desconforto do elenco com o treinador português, seguido pela eliminação na Libertadores e a saída de Willian.

A primeira grande participação da torcida foi um recado ao ex-camisa 10 do Corinthians. Minutos antes do jogo, antes mesmo de cantar o hino do clube, os torcedores entoaram xingamento ao meia Willian, que assinou a rescisão de contrato e deixou o clube nesta semana. “Alô, Willian, vai se f…, o Coringão não precisa de você”, cantaram em coro. Apesar do adeus, a imagem do jogador ainda aparecia no copo oficial do clássico, vendido a torcedores na Arena.

  Bahia vence o Ituano pela série B do Brasileirão e está na vice-liderança

Ficha Técnica 

CORINTHIANS 0 x 1 PALMEIRAS 

Competição: Campeonato Brasileiro, 22ª rodada Data e 

Horário: 13 de agosto de 2022, sábado, às 19 horas (de Brasília) 

Local: Neo Química Arena, em São Paulo-SP 

Árbitro: Raphael Claus (FIFA/SP) 

Auxiliares: Danilo Ricardo Simon Manis (FIFA/SP) e Rodrigo Figueiredo Henrique Corraa (FIFA/RJ) 

VAR: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (FIFA/SP) 

Cartões Amarelos: Fausto Vera e Róger Guedes (Corinthians); José López e Piquerez (Palmeiras) 

Público: 44.966 pessoas (44.666 pagantes) Renda: R$ R$ 3.226.090,00 

Gols: Roni (contra) aos 27 minutos do segundo tempo. 

Corinthians: Cássio; Rafael Ramos (Fagner), Bruno Méndez, Balbuena e Lucas Piton; Du Queiro, Fausto (Roni) e Renato Augusto; Gustavo Mosquito (Adson), Róger Guedes e Yuri Alberto. Técnico: Vítor Pereira.

Palmeiras: Weverton; Mayke, Gustavo Gómez, Murilo e Piquerez; Danilo, Zé Rafael e Raphael Veiga (Wesley); Rony (Gabriel Menino) Dudu (Bruno Tabata) e José López (Rafael Navarro). Técnico: Abel Ferreira

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

FLAMENGO

CORINTHIANS

SÃO PAULO

PALMEIRAS

MAIS LIDAS DA SEMANA