Palmeiras

Lucas Lima treina na preparação do Verdão visando Guaraní-PAR

Publicados

em

Após o empate por 1 a 1 com o Grêmio em Porto Alegre-RS, no domingo (20), pelo Campeonato Brasileiro, o elenco do Palmeiras seguiu direto para Assunção, no Paraguai, onde enfrentará o Guaraní-PAR na quarta-feira (23), pela quarta rodada da fase de grupos da CONMEBOL Libertadores. A preparação para o confronto começou nesta segunda-feira (21) à tarde, em Luque.

Os titulares do duelo com o time gaúcho realizaram atividades regenerativas, como musculação para membros superiores, massagem, botas pneumáticas e banheira de água quente, utilizando a estrutura do hotel onde a delegação palestrina está hospedada na capital paraguaia. Gómez, Viña, Willian e Raphael Veiga, além dos trabalhos internos, correram em torno do gramado.

O restante (ao todo, 11 jogadores de linha – contando Vitor Hugo, Bruno Henrique, Wesley, Veron e Luiz Adriano, que entraram no decorrer da partida contra o Grêmio – e mais os goleiros Weverton, Jailson e Vinicius) foi ao campo da Conmebol, em frente ao hotel, e participou de movimentações técnicas. O meio-campista Lucas Lima, desfalque contra Bolívar-BOL, na quarta-feira passada (16), e Grêmio por um trauma na região do calcâneo, treinou normalmente e pode ser novidade diante do Guaraní-PAR.

Os jogadores Lucas Lima (à esquerda) e Emerson Santos durante treino na Cancha Conmebol, em Luque, Paraguai (Cesar Greco/Palmeiras)

Na primeira atividade do dia no gramado, com dois times de cinco componentes (e Luiz Adriano como curinga, de colete vermelho), a ênfase foi aproximação, marcação e raciocínio rápido. Foi permitido um toque na bola por atleta. Na segunda, em dimensões reduzidas e com um goleiro em cada meta, foram colocados em prática embates um contra um para aprimorar tanto o desarme quanto o drible curto e a finalização. Na sequência, a movimentação voltou a ser com dois times, mas com dois goleiros e com a permissão de dois toques por jogador. E, por fim, o grupo aprimorou fundamentos.

  Veron é novidade em reapresentação do Palmeiras após empate pelo Brasileiro

Novas #CriasdaAcademia inscritas na Libertadores

De acordo com o novo regulamento da CONMEBOL Libertadores, por conta da pandemia de Covid-19, foi autorizada na semana passada a inclusão de mais dez jogadores na lista de inscritos para a competição, totalizando um máximo de 50 por clube. O Palmeiras inscreveu os goleiros Lucas Bergantin e Bruno Carcaioli; o lateral-direito Ramon Rocha, o lateral-esquerdo Vanderlan; os meio-campistas Fabinho, Adriano, Pedro Lima e Robinho; e os atacantes Fabricio e Ruan Ribeiro (atacante).

Para esta primeira fase da CONMEBOL Libertadores, além da inclusão de 20 novos jogadores, foram permitidas até cinco trocas na lista original de 30 atletas. Os clubes ainda podem fazer cinco trocas nas oitavas de final, três nas quartas de final e três na semifinal. Já os jogadores podem jogar por, no máximo, três clubes ao longo da competição, e um atleta que mudou de clube poderá voltar a seu clube original durante o torneio.

Confira a lista completa do Palmeiras na CONMEBOL Libertadores 2020:

1 – Weverton
2 – Marcos Rocha
3 – Emerson Santos
4 – Vitor Hugo
5 – Patrick de Paula
7 – Gabriel Silva
8 – Zé Rafael
9 – Luan Silva
10 – Luiz Adriano
11 – Rony
12 – Mayke
13 – Luan
14 – Gustavo Scarpa
15 – Gustavo Gómez
16 – Lucas Esteves
17 – Matías Viña
18 – Ramires
19 – Bruno Henrique
20 – Lucas Lima
21 – Wesley
22 – Jailson
23 – Raphael Veiga
24 – Vinicius
25 – Gabriel Menino
26 – Renan
27 – Gabriel Veron
28 – Danilo
29 – Willian
30 – Felipe Melo
31 – Mateus
32 – Garcia
33 – Jhow
34 – Ramon Cirino
35 – Jonathan
36 – Vitinho
37 – Erick Pluas
38 – Marcelinho
39 – Giovani Henrique
40 – João Pedro
41 – Lucas Bergantin
42 – Vanderlan
43 – Fabinho
44 – Bruno Carcaioli
45 – Adriano
46 – Ramon Rocha
47 – Ruan Ribeiro
48 – Pedro Lima
49 – Fabricio
50 – Robinho

  Vasco chega a 36 pontos após empate de 1 a 1 com Palmeiras
COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

Brasileirão Série A

Palmeira e Juventude empata no Allians por 1 a 1

Publicados

em

Após garantir vaga à final da Libertadores na última terça-feira (28/09), o Palmeiras voltou a jogar pelo Campeonato Brasileiro na noite deste domingo (03/10), contra a equipe do Juventude, de Caxias do Sul (RS), no Allianz Parque. Os times empataram por 1 a 1, com o time visitante inaugurando o marcador logo aos 6 minutos do primeiro tempo, com o meia Guilherme Castilho, mas deixou tudo igual aos 28 também da etapa inicial, com o volante Danilo. Mesmo pressionando desde que marcou seu gol até o fim do segundo tempo, o Alviverde não conseguiu ganhar de virada e somou um único ponto: foi a 39 na tabela – com isso, continua atrás do Atlético-MG, líder, agora com 10 pontos à frente do Verdão; o Flamengo, colado no Maior Campeão do Brasil com 38 pontos, na terceira colocação atualmente, possui dois jogos a menos.

Clique aqui para ver a ficha técnica, estatísticas e tudo sobre o jogo!

Após o duelo desta noite, o retrospecto atualizado entre as equipes foi a 25 jogos: 12 vitórias do Palmeiras, oito empates cinco triunfos da equipe gaúcha, com 52 gols marcados a favor do Maior Campeão do Brasil contra 30 tentos sofridos.

Palmeiras e Juventude se enfrentaram pela primeira vez em 1963, em duelo válido Torneio Quadrangular do Rio Grande do Sul – competição amistosa (o Verdão venceu por 4 a 2 com gols de Servílio, duas vezes, Valter, contra, e Vavá), no estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul (RS), casa do adversário. Depois, em 1975 voltaram e se enfrentar novamente no território do rival, em partida amistosa, e o Alviverde novamente levou a melhor: 3 a 0 com gols de Ronaldo, Mário Motta e Leivinha. Após isso, as equipes só voltaram a se cruzar na década de 90, quando a equipe gaúcha passou a frequentar a elite do Campeonato Brasileiro – e os encontros foram corriqueiros, durando mais de uma década (de 1995 a 2007, mais precisamente, até voltarem a se enfrentar em 2021 pela Série A do Brasileirão – no primeiro turno da atual edição, o Maior Campeão do Brasil venceu por 3 a 0, no estádio Alfredo Jaconi, com gols de William Matheus, contra, Deyverson e Breno Lopes).

  Abel Ferreira elogia atuação do Palmeiras após classificação: ‘Foi um bom espetáculo’

Curiosamente, o Juventude também já foi adversário do Palmeiras na Libertadores da América: o fato ocorreu na Libertadores de 2000, edição da qual o Maior Campeão do Brasil foi finalista – encontrou a equipe gaúcha (campeã da Copa do Brasil de 1999) na fase preliminar, contra a qual somou pontos importantes para avançar às oitavas de final do torneio: venceu em casa por 3 a 0 (gols de Rogério, Asprilla e Júnior) e empatou na casa do rival por 2 a 2 (gols de Cesar Sampaio e Rogério). O técnico do Palmeiras naquela ocasião, aliás, era Luiz Felipe Scolari – o treinador pentacampeão mundial e campeão da Libertadores de 1999 com o Palmeiras teve justamente o Juventude como um dos primeiros clubes de sua carreira como treinador, além de ter atuado como jogador da equipe na década de 70.

AGENDA

O Palmeiras volta a campo na próxima quarta-feira (06), às 21h30, novamente pelo Brasileirão, mas desta vez, fora de casa: viaja à Belo Horizonte (MG) para enfrentar o América-MG, no Estádio Independência, pela 24ª rodada. Em seguida, joga pela 25ª rodada no sábado (09), às 21h, contra o Red Bull Bragantino, no Allianz Parque.

  Palmeiras supera o Grêmio e conquista sua 4ª Copa do Brasil

PALMEIRAS: Weverton; Gabriel Menino, Kuscevic, Gustavo Gómez e Jorge (Piquerez, no intervalo); Danilo (Deyverson, 40/2ºT), Zé Rafael (Felipe Melo, 17/2ºT) e Gustavo Scarpa; Wesley (Dudu, 17/2ºT), Rony e Luiz Adriano (Gabriel Veron, 17/2ºT). Técnico: Abel Ferreira.

Gols: Guilherme Castilho (6’/1ºT) (0-1) e Danilo (28’/1ºT) (1-1)

Cartões amarelos (SEP): Dudu

fonte:https://www.palmeiras.com.br/pt-br/noticias/palmeiras-e-juventude-empatam-por-1-a-1-no-allianz-parque-pelo-brasileiro/

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

FLAMENGO

CORINTHIANS

SÃO PAULO

PALMEIRAS

MAIS LIDAS DA SEMANA