Cruzeiro

Sub-17 do São Paulo estreia no Brasileiro contra o Cruzeiro

Publicados

em

Dos três torneios oficiais que disputou na última temporada, o time Sub-17 só não conquistou o troféu do Campeonato Brasileiro. Em busca de mudar a história neste ano, os são-paulinos estreiam na competição contra o Cruzeiro, às 15h30, em Nova Serrana (MG), partida que marca também a estreia da base tricolor nos torneios de 2021. O jogo que terá transmissão do canal Sportv.

À frente da equipe juvenil no último ano, Menta, técnico da categoria, falou sobre a grande expectativa para o início da temporada e dos três meses de preparação para a estreia – vale lembrar que o início do Brasileirão foi adiado duas vezes por conta da pandemia de covid-19.

“Foi uma preparação muito natural, a maioria dos atletas está no clube há muito tempo e demos apenas sequência ao trabalho que temos feito visando a formação deles. Existe uma ansiedade por parte dos atletas por esse reinício, mas tudo dentro de uma normalidade”, disse.

A categoria Sub-17 fez o torcedor sorrir nos últimos meses. Os garotos vêm de dois títulos consecutivos, o da Copa do Brasil Sub-17, em janeiro, e da Supercopa Sub-17, em fevereiro. Os troféus coroaram uma excelente temporada do time juvenil que, além das conquistas, apresentou novos nomes para a torcida: são os casos do zagueiro Beraldo, do lateral Patryck e do atacante Marquinhos, que já foram relacionados para jogos do time principal.

  De virada, São Paulo vence do Grêmio pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro

Em 2020, após começar o Nacional de maneira avassaladora – na primeira fase, foram oito vitórias e só uma derrota -, o Tricolor teve grandes provações pela frente. No clássico contra o Corinthians válido pelas quartas de final, vitória nos pênaltis, que fez a equipe ganhar confiança para as semifinais. Diante do Fluminense, vitória no Morumbi, mas uma derrota nas Laranjeiras levou a partida para novas penalidades, e o rival conseguiu a vaga.

“O campeonato passado foi muito triste, pois ficamos perto de disputar um título. Apesar de não termos chegado à final, a equipe jogou muito bem, quis sempre vencer e não vai ser diferente esse ano. Temos na equipe muitos garotos que jogaram ano passado, isso dá uma segurança pra eles por já terem essa rodagem na competição, mas acho que o torneio será mais difícil porque os times estão mais preparados que o ano passado”, afirmou.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Brasileirão Série B

Cruzeiro e Náutico empatam pela serie B

Publicados

em

Fim da disputa na Série B do Brasileiro para Cruzeiro e Náutico. As duas equipes empataram sem gols em jogo válido pela 38ª, e última, rodada da competição. A partida aconteceu no Mineirão, em Belo Horizonte, na noite desta quinta-feira (25).

A Raposa se despede da Série B deste ano com 48 pontos, atualmente em 11º lugar. Já o Timbu somou 53 pontos e termina em oitavo.

O jogo

O Cruzeiro pressionou o Náutico na etapa inicial do Mineirão. Logo aos seis, Marcelo Moreno recuperou a bola no ataque, limpou a marcação e chutou firme, mas a bola foi sobre o gol. Na altura dos 28, Rômulo fez o goleiro Anderson trabalhar em finalização de fora da área. O arqueiro apareceu novamente em chute de Claudinho.

A pressão da Raposa só aumentou. Aos 33, Giovanni chutou colocado e o goleiro do Náutico operou uma grande defesa. No ataque seguinte, Anderson espalmou uma pancada de Eduardo Brock. O Timbu apenas ameaçou aos 45, em desvio de Thássio, que passou próximo à trave. O time celeste terminou a primeira etapa com 16 finalizações, mas o placar foi mantido.

  De virada, São Paulo vence do Grêmio pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro

No segundo tempo, o Cruzeiro iniciou com o mesmo ritmo. Na altura dos seis, Wellington Nem cabeceou de dentro da pequena área, mas Anderson defendeu. Já aos dez, foi a vez de Marcelo Moreno arriscar o chute, porém a bola foi para fora.

Com um ritmo intenso na volta do intervalo, a partida ficou mais cadenciada a partir dos 20 minutos. O time mineiro seguiu com a posse, mas o Náutico conseguiu se estruturar melhor no campo de defesa, dificultando o ataque cruzeirense. Na reta final, o Cruzeiro teve mais algumas oportunidades, mas não foi às redes e o placar terminou 0 a 0.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

FLAMENGO

CORINTHIANS

SÃO PAULO

PALMEIRAS

MAIS LIDAS DA SEMANA