Brasileirão Série B

Felipe conceição destaca superioridade da equipe. mas lamenta erros que foram determinantes par o resultado negati

Publicados

em

foto: bruno haddad/cruzeiro

Na noite deste domingo, após a derrota por 4 a 3 para o CRB, no Mineirão, pela 2ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, o técnico Felipe Conceição fez uma análise da atuação do time cruzeirense. O comandante destacou a superioridade demonstrada pelo Clube Azul durante grande parte do duelo, mas também lamentou bastante todos os erros ocorridos na partida – seja da equipe ou da arbitragem, e que contribuíram diretamente para o resultado final adverso.

“Dentro do jogo normal a gente foi superior ao adversário. Tivemos alguns erros individuais, como já falei, que ocasionou gol do adversário. Parecia que o Cruzeiro atacava, atacava, atacava para construir os três gols que fez e o CRB precisava de uma bola para fazer os seus”, disse.

“Foi um jogo assim, mas o principal foram os erros da arbitragem. Não tenho dúvidas. Se a gente não tem a intervenção da arbitragem hoje, com certeza a gente tinha saído com a vitória”, acrescentou.

fonte: https://www.cruzeiro.com.br/noticia/show/18952/felipe-conceicao-destaca-superioridade-da-equipe-mas-lamenta-erros-que-foram-determinantes-para-o-resultado-negativo

COMENTE ABAIXO:
  De virada, Confiança vence Vitória por 3 a 2
Propaganda

Brasileirão Série B

Cruzeiro e Náutico empatam pela serie B

Publicados

em

Fim da disputa na Série B do Brasileiro para Cruzeiro e Náutico. As duas equipes empataram sem gols em jogo válido pela 38ª, e última, rodada da competição. A partida aconteceu no Mineirão, em Belo Horizonte, na noite desta quinta-feira (25).

A Raposa se despede da Série B deste ano com 48 pontos, atualmente em 11º lugar. Já o Timbu somou 53 pontos e termina em oitavo.

O jogo

O Cruzeiro pressionou o Náutico na etapa inicial do Mineirão. Logo aos seis, Marcelo Moreno recuperou a bola no ataque, limpou a marcação e chutou firme, mas a bola foi sobre o gol. Na altura dos 28, Rômulo fez o goleiro Anderson trabalhar em finalização de fora da área. O arqueiro apareceu novamente em chute de Claudinho.

A pressão da Raposa só aumentou. Aos 33, Giovanni chutou colocado e o goleiro do Náutico operou uma grande defesa. No ataque seguinte, Anderson espalmou uma pancada de Eduardo Brock. O Timbu apenas ameaçou aos 45, em desvio de Thássio, que passou próximo à trave. O time celeste terminou a primeira etapa com 16 finalizações, mas o placar foi mantido.

  Vasco vence o Goiás pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro

No segundo tempo, o Cruzeiro iniciou com o mesmo ritmo. Na altura dos seis, Wellington Nem cabeceou de dentro da pequena área, mas Anderson defendeu. Já aos dez, foi a vez de Marcelo Moreno arriscar o chute, porém a bola foi para fora.

Com um ritmo intenso na volta do intervalo, a partida ficou mais cadenciada a partir dos 20 minutos. O time mineiro seguiu com a posse, mas o Náutico conseguiu se estruturar melhor no campo de defesa, dificultando o ataque cruzeirense. Na reta final, o Cruzeiro teve mais algumas oportunidades, mas não foi às redes e o placar terminou 0 a 0.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

FLAMENGO

CORINTHIANS

SÃO PAULO

PALMEIRAS

MAIS LIDAS DA SEMANA