Brasileirão Série A

Na volta da torcida ao Morumbi, Tricolor empata com o Santos

Clássico, válido pela 24ª rodada do Brasileirão, ficou no 1 a 1 nesta quinta-feira (7)

Publicados

em

Depois de 575 dias, 56 jogos e o título do Campeonato Paulista deste ano, o São Paulo voltou a encontrar com o seu torcedor no Morumbi e empatou com o Santos em 1 a 1, nesta quinta-feira (7), em duelo válido pela 24ª rodada do Campeonato Brasileiro.

> FOTOS DO SAN-SÃO!

O gol são-paulino foi marcado por Calleri, que em cobrança de pênalti balançou as redes pela primeira vez nesta volta ao clube. Com o resultado, o Tricolor caiu da 13ª para a 14ª colocação, agora com 29 pontos em 24 partidas.

Na próxima segunda-feira (11), às 20h, na Arena Pantanal, o São Paulo enfrentará o Cuiabá na sequência do torneio nacional.

Para encarar os santistas, o time não conto com Thiago Couto (fratura no nariz), Orejuela (aprimora forma física após estiramento na coxa esquerda), Igor Vinícius (trauma no olho esquerdo) e William (artroscopia no joelho), além de Galeano (suspenso) e Arboleda (defenderá a Seleção Equatoriana nas Eliminatórias).

O técnico Hernán Crespo escalou uma formação ofensiva e montou o time com Tiago Volpi; Igor Gomes, Miranda, Léo e Welington; Luan, Rodrigo Nestor e Luciano; Rigoni, Calleri e Marquinhos.

  Goiás empata com Avaí em jogo válido pela 22ª rodada do Brasileirão

No primeiro tempo, os visitantes abriram o placar aos quatro minutos, com Carlos Sánchez. O gol do rival, no entanto, não diminuiu o ímpeto do Tricolor, que tratou de pressionar e contou com o apoio das arquibancadas para reagir.

Aos 32 minutos, Nestor arriscou de longe e o chute desviou no braço de Balieiro. Após checagem do VAR, a arbitragem assinalou pênalti. Depois de um pequeno desentendimento entre Calleri e Luciano, sobre quem cobraria, o argentino converteu e deixou tudo igual! 1 a 1! Foi o seu primeiro gol neste retorno ao clube.

Na etapa complementar, o São Paulo se lançou em busca da virada e batalhou pelo segundo tento. Gabriel Sara e o uruguaio Gabriel entraram para dar fôlego novo ao time. Mais tarde, Liziero e Benitez também foram utilizados pelo treinador.

Porém, apesar de tentar e contar com o incentivo dos torcedores, a equipe não conseguiu balançar as redes novamente, e o clássico terminou empatado em 1 a 1.

 

 

SÃO PAULO 1 x 1 SANTOS
Local: Morumbi, em São Paulo (SP)
Data: 07/10/2021 (quinta-feira)
Horário: 18h30
 

  Goiás faz último treino antes de enfrentar o Avaí pelo Brasileirão

SPFC: Volpi; Igor Gomes, Miranda, Léo e Welington; Luan (Gabriel, 31/2), Rodrigo Nestor (Liziero, 39/2) e Luciano; Marquinhos (Gabriel Sara, 9/2), Calleri (Benítez, 39/2) e Rigoni. Técnico: Hernán Crespo
 

Gol: Calleri (pênalti), 34/1

SFC: João Paulo; Vinícius Balieiro, Velázquez, Wagner Leonardo (Lucas Braga, 18/2); Marcos Guilherme, Camacho (Danilo Boza, 32/2), Vinicius Zanocelo, Carlos Sánchez (Gabriel Pirani, 30/2) e Felipe Jonatan; Marinho e Léo Baptistão (Diego Tardelli, 30/2). Técnico: Fábio Carille

Gol: Carlos Sánchez, 4/1

Cartões amarelos: Vinícius Balieiro, 32/1; Welington, 28/2; Marinho, 32/2; Danilo Boza, 34/2; Marcos Guilherme (47/2), Benítez (após o fim do jogo)

Público: 5.529 pagantes
Renda: R$ 393.437,00

Árbitro: Raphael Claus (SP)
Assistentes: Danilo Ricardo Simon Manis (SP) e Evandro de Melo Lima (SP)
Quarto Árbitro: Matheus Delgado Candançan (SP)
Analista de Campo: Philippe Lombard (SP)
Árbitro de Vídeo: Daiane Caroline Muniz dos Santos (SP)
AVAR: Vinicius Furlan (SP)
Observador de VAR: Jose Henrique de Carvalho (SP)

fonte:http://www.saopaulofc.net/noticias/noticias/campeonato-brasileiro/2021/10/7/na-volta-da-torcida-ao-morumbi,-tricolor-empata-com-o-santos

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Brasileirão Série A

Palmeiras vence Corinthians e dispara na liderança do Brasileirão 2022

Publicados

em

O Palmeiras soube aproveitar um erro decisivo do Corinthians neste sábado (13.08), venceu o clássico e disparou na liderança do Brasileirão. Em jogo da 22ª rodada, um gol contra de Roni definiu o 1 a 0 alviverde na Neo Química Arena. 

Cada vez mais embalado, o Palmeiras dispara e abre nove pontos na liderança (48 contra 39 do rival). O time agora tem a semana inteira reservada a treinos antes de receber o Flamengo em casa, no domingo que vem (21), novamente pelo Brasileirão.

O Corinthians, pelo contrário, viu a crise aumentar ainda mais. Sem vencer há quatro jogos, os comandados de Vítor Pereira terão pela frente outro teste de fogo, na quarta-feira (17): precisa reverter a desvantagem de dois gols contra o Atlético-GO para seguir na Copa do Brasil.

Uma derrota pode transbordar o caldeirão corintiano, iniciado com o desconforto do elenco com o treinador português, seguido pela eliminação na Libertadores e a saída de Willian.

A primeira grande participação da torcida foi um recado ao ex-camisa 10 do Corinthians. Minutos antes do jogo, antes mesmo de cantar o hino do clube, os torcedores entoaram xingamento ao meia Willian, que assinou a rescisão de contrato e deixou o clube nesta semana. “Alô, Willian, vai se f…, o Coringão não precisa de você”, cantaram em coro. Apesar do adeus, a imagem do jogador ainda aparecia no copo oficial do clássico, vendido a torcedores na Arena.

  Goiás faz último treino antes de enfrentar o Avaí pelo Brasileirão

Ficha Técnica 

CORINTHIANS 0 x 1 PALMEIRAS 

Competição: Campeonato Brasileiro, 22ª rodada Data e 

Horário: 13 de agosto de 2022, sábado, às 19 horas (de Brasília) 

Local: Neo Química Arena, em São Paulo-SP 

Árbitro: Raphael Claus (FIFA/SP) 

Auxiliares: Danilo Ricardo Simon Manis (FIFA/SP) e Rodrigo Figueiredo Henrique Corraa (FIFA/RJ) 

VAR: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (FIFA/SP) 

Cartões Amarelos: Fausto Vera e Róger Guedes (Corinthians); José López e Piquerez (Palmeiras) 

Público: 44.966 pessoas (44.666 pagantes) Renda: R$ R$ 3.226.090,00 

Gols: Roni (contra) aos 27 minutos do segundo tempo. 

Corinthians: Cássio; Rafael Ramos (Fagner), Bruno Méndez, Balbuena e Lucas Piton; Du Queiro, Fausto (Roni) e Renato Augusto; Gustavo Mosquito (Adson), Róger Guedes e Yuri Alberto. Técnico: Vítor Pereira.

Palmeiras: Weverton; Mayke, Gustavo Gómez, Murilo e Piquerez; Danilo, Zé Rafael e Raphael Veiga (Wesley); Rony (Gabriel Menino) Dudu (Bruno Tabata) e José López (Rafael Navarro). Técnico: Abel Ferreira

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

FLAMENGO

CORINTHIANS

SÃO PAULO

PALMEIRAS

MAIS LIDAS DA SEMANA