Grêmio

Grêmio vence a LDU, em Quito e constrói vantagem para o jogo de volta das oitavas de final da Sul-Americana

Com gol de Léo Pereira, Tricolor bateu os equatorianos por 1 a 0

Publicados

em

Fotos: Lucas Uebel | Grêmio FBPA 

O Grêmio enfrentou a LDU na noite desta terça-feira, em Quito, na primeira partida das oitavas de final da Conmebol Sul-Americana. Com gol de Léo Pereira, o Tricolor venceu os donos da casa por 1 a 0 e tem vantagem para o jogo de volta, na próxima terça-feira, na Arena.

O jogo começou movimentado, com o Tricolor buscando rapidamente o campo de ataque. As primeiras tentativas saíram de bola parada, em dois escanteios cobrados por Jean Pyerre, mas os donos da casa conseguiram parar o lance gremista.

A resposta adversária veio com Bily Arce, que desceu pela direita, invadiu a área e cara a cara com o goleiro tricolor, chutou forte, obrigando Chapecó a operar grande defesa, com 8 minutos.

Outra investida gremista, desta vez começou no campo de defesa. Ruan acionou Vanderson, que fez um cruzamento buscando Léo Pereira, mas a bola foi forte demais e o atacante não conseguiu alcançar.

A LDU chegou com perigo novamente, pela direita. Luis Amarilla trabalhou com Alcívar e chutou forte de dentro da área. Chapecó fez outra boa defesa.

O Grêmio respondeu de imediato e foi efetivo. Depois de se lançar em contra-ataque, Jean Pyerre recebeu na esquerda e fez um cruzamento na área. Léo Pereira subiu e desviou de cabeça, entre as pernas do goleiro, mandando para o fundo das redes, com 18 minutos de bola rolando.

Aos 23’, o Tricolor seguiu buscando o ataque, com uma tabela rápida pela esquerda, mas a bola acabou indo direto pela linha de fundo.

Os donos da casa tentaram o empate em seguida, quando Ayala recebeu um passe e chutou de direita, mandando por sobre o gol de Chapecó, mas o lance já estava anulado por impedimento.

  No último lance, Grêmio empata com o Santos e decide a classificação na Vila Belmiro

Passados 29’, Jean Pyerre dominou na esquerda e inverteu o jogo para Vanderson, que girou sobre a marcação, buscando acionar Léo Pereira, mas o passe não saiu completo.

Com 36’ jogados, os equatorianos chegaram com perigo com um cruzamento na área, da esquerda, mas Kannemann cortou. Em seguida, foi a vez de Billy Arce receber e finalizar a gol, para outra defesa de Chapecó, de mão trocada.

O Grêmio fez uma boa construção de jogada aos 40’. De pé em pé, em velocidade Fernando Henrique trabalhou com Jean Pyerre, que acionou Diego Souza. O centroavante abriu para Cortez e o lateral cruzou, mas a bola acabou pela linha de fundo.

Na reta final, outra boa chegada gremista saiu dos pés de Alisson, que trabalhou bem com Jean Pyerre e chutou, mas o goleiro adversário defendeu. Nos acréscimos, a LDU ainda tentou com Jhojan Julio pela esquerda, mas Chapecó defendeu no meio do gol.

O Grêmio voltou a campo com a mesma formação para a etapa complementar.

Nos instantes iniciais da etapa complementar, a LDU teve uma boa chance de encostar no marcador com uma cobrança de falta. Billy Arce mandou direto, mas a bola passou por sobre a meta gremista.

Com 7’ jogados, foi a vez do Tricolor ameaçar. Jean Pyerre ganhou da marcação e acionou Léo Pereira, mas o cruzamento não foi preciso. Diego Souza conseguiu recuperar e rolou para Fernando Henrique. A bola chegou a Vanderson, que cruzou, quase mandando para o fundo do gol, mas o goleiro defendeu.

  Tricolor empata com o Racing no duelo de ida das oitavas de final

Aos 13’, os equatorianos chegaram com Reasco, mas Ruan levou a melhor no campo de defesa e subiu, afastando o perigo. Na cobrança de escanteio, Alcívar colocou na área e a defesa tricolor fez o corte, mais uma vez. Minutos depois, mais uma chance adversária, desta vez, dos pés de Ayala, que chutou forte, mandando muito perto da meta defendida por Chapecó.

O Tricolor teve uma chance em cobrança de falta, pela esquerda, aos 21 minutos. Jean cobrou, acionando Lucas Silva, que então fez um cruzamento, mas Caicedo cortou.

A primeira alteração foi providenciada pelo técnico Felipão, que colocou Ricardinho no lugar de Diego Souza, aos 23’. Oito minutos depois, Jean Pyerre, Lucas Silva e Alisson deram lugar a Douglas Costa, Sarará e Leo Chú.

A LDU chegou com muito perigo com um chute de dentro da área, mas Sarará cortou praticamente em cima da linha, aos 34’.

Na reta final da partida, o Grêmio tentou com um lance de Douglas Costa, que acionou Léo Pereira, mas Ayala se antecipou e fez o corte para os equatorianos. Respondendo ao ataque tricolor, os donos da casa construíram uma chance em bola parada. Perlaza cobrou uma falta na área, mas Fernando Henrique cortou.

Nos acréscimos, Ricardinho acabou perdendo a chance de ampliar o marcador.

Com o resultado, o Grêmio retorna a Porto Alegre com vantagem para o jogo de volta, que acontece na próxima terça-feira, na Arena.

fonte: https://gremio.net/noticias/detalhes/24483/gremio-vence-a-ldu–em-quito-e-constroi-vantagem-para-o-jogo-de-volta-das-oitavas-de-final-da-sul-americana

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Brasileirão Série A

Grêmio vence o São Paulo e conquista três pontos importantes no Brasileirão

Com gols de Thiago Santos, Diogo Barbosa e Jhonata Robert, o Tricolor superou o time paulista por 3 a 0

Publicados

em

Na luta para subir na tabela, o Grêmio entrou em campo na noite desta quinta-feira, na Arena, para enfrentar o São Paulo, em jogo válido pela 35ª rodada do Brasileirão. E o Tricolor conseguiu alcançar a vitória, ao superar o time paulista por 3 a 0, com gols de Thiago Santos, Diogo Barbosa e Jhonata Robert. Com o resultado, chega a 39 pontos na competição.

O jogo iniciou movimentado, com o Tricolor pressionando e criando ações no ataque. Logo aos 4 minutos, Diego Souza tentou desarmar Miranda na entrada da área, mas acabou cometendo falta sobre o marcador. Em seguida, foi a vez de Diogo Barbosa avançar pela esquerda e fazer um cruzamento, mas a defesa cortou.

Outra chance gremista saiu dos pés de Thiago Santos, que armou uma jogada e tentou acionar Douglas Costa com um passe em profundidade, mas Léo cortou a tempo.

A melhor chance do Grêmio até então saiu em um lance aos 13 minutos. Depois de uma troca de passes na área, a bola sobrou para Thiago Santos que, sem goleiro, finalizou, mas Miranda conseguiu cortar quase em cima da linha. Um minuto depois, foi a vez de Campaz desviar de cabeça, mas a bola saiu pela linha de fundo.

Já o time paulista tentou responder aos 17’, quando Gabriel Sara fez uma tabela com Igor Gomes e cruzou na área, mas Geromel cortou de cabeça.

Passados 20 minutos, o Grêmio voltou a atacar, agora pela esquerda. Ferreira cruzou na área, mas Volpi saiu para fazer a defesa.

Aos 22’, o Tricolor conseguiu abrir o marcador com Thiago Santos. A bola chegou a Ferreira que, da linha de fundo pela esquerda cruzou para o volante subir e mandar de cabeça para o fundo das redes.

  Thiago Gomes comanda trabalho tático em Fortaleza

Os adversários ameaçaram aos 27’, quando Welington acionou Benítez na entrada da área, mas a bola chegou a Calleri, que tentou a finalização, mas perdeu a bola.

Os gremistas chegaram bem novamente dez minutos depois, quando Thiago Santos fez o desarme no campo defensivo e se lançou em contra-ataque, mas quando deu o passe para Ferreira, mandou forte demais.

O São Paulo tentou o empate ainda na etapa inicial, com Benítez, que chutou forte da meia esquerda, mas mandou direto para fora.

O Grêmio voltou igual para o segundo tempo.

O jogo seguiu movimentado e logo aos 6’, o Tricolor chegou com perigo pela esquerda. Ferreira saiu em velocidade, driblou três marcadores e chutou – a bola passou raspando a trave esquerda. Logo em seguida, Douglas Costa viu o camisa 11 livre na área, acionou o atacante, que dominou e chutou, mas Arboleda conseguiu interceptar o lance.

Aos 12’, os gremistas tiveram uma sequência de escanteios. A primeira foi colocada na área e Marquinhos subiu com Diego Souza, cortando pela linha de fundo. Na segunda, após cobrança curta e troca de passes na direita, Douglas cruzou na área, mas Volpi segurou.

Em um lance de contra-ataque, o camisa 10 saiu em velocidade e acionou Diego Souza, mas Arboleda cortou novamente.

O técnico Vagner Mancini promoveu sua primeira mudança aos 17’: Borja assumiu o lugar de Diego Souza.

  Grêmio homenageia Diego Souza pelos 100 jogos com a camisa tricolor

Em nova jogada do tricolor, Thiago Santos do meio arriscou de longe, mandando com perigo em direção a meta paulista, mas a bola passou por cima.

Foi aos 22 minutos, que o Grêmio conseguiu ampliar o marcador e respirar mais no jogo. Diogo Barbosa puxou para o meio e chutou de longe, mandando no ângulo, assinalando o segundo gremista.

Quase que o terceiro veio em seguida, quando Campaz fez uma boa jogada e cruzou da linha de fundo. Borja chegou para completar, mas mandou de carrinho e a bola explodiu na trave.

Mais duas mudanças foram feitas: Villasanti e Jhonata Robert nos lugares de Campaz e Douglas Costa, aos 28’.

Uma nova jogada saiu em cobrança de escanteio. A bola foi colocada na primeira trave, mas a defesa afastou, com 33’ jogados.

As últimas mudanças foram feitas: Darlan e Sarará nos lugares de Ferreira e Thiago Santos.

Na reta final, após boa troca de passes, Darlan recebeu na entrada da área e chutou, mas Volpi defendeu. Mas o Tricolor não desistiu e conseguiu chegar ao terceiro gol, por sinal, um golaço! Na marca dos 48 minutos, o São Paulo perdeu a bola no ataque, Jhonata Robert do meio-campo chutou e pegou Volpi adiantado. A bola morreu lindamente no fundo do gol.

Com o resultado, o Grêmio chega a 39 pontos na competição, mas segue ainda na 18ª posição.

Público total na Arena: 9.312
Renda: R$ 354.342,00

Fotos: Lucas Uebel | Grêmio FBPA

fonte: https://gremio.net/noticias/detalhes/24842/gremio-vence-o-sao-paulo-e-conquista-tres-pontos-importantes-no-brasileirao-

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

FLAMENGO

CORINTHIANS

SÃO PAULO

PALMEIRAS

MAIS LIDAS DA SEMANA