Brasileirão Série A

Grêmio empata sem gols com o Goiás, fora de casa, no Brasileirão

Publicados

em

O Grêmio enfrentou o Goiás na noite deste sábado, no estádio da Serrinha, em Goiânia. Com um time um pouco modificado, o Tricolor empatou sem gols com os donos da casa, apesar de ter mantido maior posse de bola durante os 90 minutos.

Com o resultado, os gremistas somam um ponto na competição, ocupam a sexta posição na tabela, com 41 pontos.

Primeiro Tempo 

O jogo começou movimentado e logo aos 50 segundos de bola rolando, Vanderlei foi obrigado a fazer uma grande defesa, em um chute forte de Ariel Cabral, que soltou uma bomba da intermediária.

Mas o Grêmio não se abalou com a pressão goiana e partiu para o campo de ataque. Trocando passes, Bruno Cortez acabou acionado na esquerda e fez uma jogada individual, invadindo a área entre os marcadores, mas finalizou pra fora.

Aos 6’, o Tricolor tentou pela direita, com um cruzamento na pequena área. Churín tentou girar e finalizar, mas Ariel Cabral colocou a escanteio. Depois da cobrança, a defesa adversária conseguiu afastar.

Já três minutos depois, após boa trama gremista, Orejuela recebeu na direita e chutou cruzado, levando perigo a meta goiana, mas a bola saiu à direita do gol defendido por Tadeu.

Passados 10’, os gremistas tiveram uma boa chance em cobrança de falta, próximo à risca da área. Lucas Silva mandou direto, por baixo da barreira, mas a bola saiu a linha de fundo.

  São Paulo, líder do campeonato é massacrado pelo Bragantino que marca quatro gols

Outra boa chance tricolor saiu dos pés de Matheus Henrique, que chutou de fora da área obrigando Tadeu a se esticar e espalmar pela linha de fundo, com 19’.

Os donos da casa ameaçaram com Fernandão aos 21’, que recebeu um cruzamento de David Duarte e chutou a gol, mas mandou por cima, após a bola ainda desviar em Kannemann.

Quase que o Grêmio assinalou o primeiro gol aos 25’, quando Churín cruzou na pequena área para Pepê, mas o atacante não conseguiu alcançar e a bola saiu.

Uma boa chance gremista saiu em bola parada, aos 38’. Da esquerda, Lucas Silva chutou direto e só não marcou, porque Tadeu fez uma grande defesa.

Na reta final, os gremistas tentaram mais uma vez com um chute do volante, mas o camisa 16 acabou mandando por sobre a meta.

Segundo Tempo 

O Grêmio voltou a campo com a mesma formação na etapa complementar.

Nos primeiros instantes da partida, quem levou perigo foram os donos da casa. Após uma cobrança de escanteio, a bola bateu na defesa gremista e foi em direção a meta, mas o goleiro Vanderlei fez a defesa.

Mas o Grêmio respondeu de imediato. Desta vez, Darlan chutou de fora da área, mas o arqueiro adversário defendeu.

  Técnico do Sport se agrada de estreia de Thiago Neves e foca na recuperação física dos atletas

Já aos 5’, Jefferson se aproveitou de uma falha na defesa goiana e cruzou para Fernandão, que por sorte, não alcançou. O Tricolor ameaçou com Pepê, que deu um bom passe para Matheus Henrique na cara do gol. O volante invadiu a área entre os zagueiros, mas caiu na área.

Com 12’, Shaylon chutou a gol, mas a bola saiu a esquerda da meta de gremista.

Aos 18 minutos, O Tricolor teve uma falta a seu favor da intermediária de ataque. Pepê colocou na área, para Kannemann cabecear, mas a bola foi para fora.

A melhor oportunidade saiu para os donos da casa, após uma cobrança de escanteio, aos 23’. A bola foi colocada na área e Iago Mendonça subiu para desviar a gol. A bola passou muito perto do gol, mas saiu à direita.

O Grêmio respondeu no minuto seguinte, com uma tabela entre Luiz Fernando e Pepê, que cruzou, mas a bola saiu. Outra chance saiu aos 29’, quando Ferreira tentou uma jogada individual, cortou a marcação e finalizou. Tadeu defendeu.

Aos 35’, Ferreira fez uma boa jogada pelo lado direito, invadindo a área a dribles, mas Tadeu defendeu no meio do gol.

Na reta final, aos 40’, o Tricolor ainda fez um lance pela esquerda, mas Pepê foi flagrado em impedimento.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Bahia

Santos perde para o Bahia em Salvador

Publicados

em

Na noite de quinta-feira (25), o Santos perdeu para o Bahia na Arena Fonte Nova, por 1 a 0. A partida marcou o encerramento do Campeonato Brasileiro de 2020. O Peixe ficou na 8ª colocação, somando 54 pontos em 38 partidas e garantido a vaga para a Conmebol Libertadores.

No próximo domingo (28), o Alvinegro já estreia no Campeonato Paulista, diante do Santo André ás 19h15, no Estádio Canindé.

O jogo

Aos dois minutos, Jean Mota toca para Ângelo perto da área, e o menino de 16 anos vai pra cima da marcação e a bola acaba saindo pela linha de fundo.

Aos 14 minutos, o Bahia abre o placar através de Rossi.

Ângelo faz jogada pelo lado direito, aos 22 minutos e toca para Vinícius Balieiro. O volante santista chuta forte e a bola passa por cima do gol.

Cinco minutos depois, a defesa baiana faz falta em Ângelo perto da área. Jean Mota vai para a cobrança e o goleiro defende.

Aos 32 minutos, Fernando Pileggi cruza na área e Bruno Marques ganha no alto e manda para fora.

  Santos vence o Botafogo de 2 a 1 pela 30ª rodada da competição

Faltando dois minutos para o fim da primeira etapa, Arthur Gomes faz bonita jogada pela esquerda e cruza na área. Vinícius Balieiro ganha no alto e cabeceia para bela defesa do goleiro do Bahia.

Já na segunda etapa, aos 3 minutos, Bruno Marques tenta finalizar, mas é travado. Na sequência, Vinícius Balieiro chuta e a bola é desviada para escanteio. Um minuto depois, Gabriel Pirani chuta de fora da área, e a bola passa com perigo.

Aos 13 minutos, Rodriguinho finaliza e João Paulo faz bela defesa. Três minutos depois, em cruzamento na área, Bruno Marques ganha da marcação e consegue cabecear, e a bola sai por cima do gol.

Aos 25 minutos, outra ótima defesa de João Paulo, em chute de Gilberto.

O Bahia chega ao segundo gol com Alesson, aos 45 minutos.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

FLAMENGO

CORINTHIANS

SÃO PAULO

PALMEIRAS

MAIS LIDAS DA SEMANA